Você já desfragmentou o disco do seu computador? Se o sistema operacional que utiliza é o Windows, certamente já teve que utilizar algum desfragmentador.

Mas e o Linux, não precisa desfragmentar? Bom, com o Linux a coisa é um pouco diferente, mas isso não quer dizer que nunca precisará realizar esta tarefa.

Para entender melhor o assunto tratado neste artigo, é recomendado que você leia antes algum material sobre desfragmentação de discos. O Portal Baixaki possui dois ótimos artigos a respeito: “Desfragmentação de disco: por que fazer e como ocorre?” e “Guia completo sobre desfragmentação de disco”. Vale a pena conferir e ficar por dentro do assunto!

Desfragmentação no Linux?

Há tempos existe uma discussão quanto ao fato de precisar ou não desfragmentar discos que abrigam sistemas Linux. Existem usuários que defendem com todas as forças a ideia de que o sistema operacional do pinguim não requer desfragmentação frequente devido ao fato de os usuários não conseguirem copiar e colar arquivos em qualquer pasta do sistema.

Copiar e colar nem sempre é permitido

No entanto, existe também o outro lado da moeda, ou seja, os usuários que dizem ser necessário desfragmentar todo e qualquer disco, independente do sistema operacional utilizado. Mas afinal, quem está certo?

Os dois lados da história

Na verdade, ambas as visões estão corretas de alguma maneira. De fato, não é qualquer usuário que consegue copiar arquivos para dentro das pastas do sistema, é preciso ter a senha de acesso do chamado “super usuário” (root) para isso.

Além de proteger os arquivos principais, essa restrição de acesso faz com que apenas a pasta pessoal dos utilizadores do sistema fique fragmentada. Como os arquivos ali contidos normalmente nada têm a ver com o núcleo do SO, não afetam em nada o desempenho do computador.

Lentidão? Pode ser que o disco esteja fragmentadoO sistema de arquivos utilizado pelo Linux também ajuda para que a fragmentação do disco não seja tão grande. Isso porque a forma com a qual o sistema operacional do pinguim gerencia a movimentação de arquivos (copiar, colar, criar, recortar e excluir) evita que lacunas sejam criadas no disco, exceto quando o HD está muito cheio.

Embora a fragmentação das pastas pessoais não afete diretamente o sistema, ela pode ser responsável pela demora na abertura de arquivos e documentos, por exemplo.

Nesse caso sim é preciso fazer alguma coisa para organizar o disco novamente e diminuir o esforço mecânico do HD na hora de ler algum arquivo ou acessar um diretório na sua pasta.

Como desfragmentar o disco no Linux?

Não é difícil encontrar na internet comandos que permitam a desfragmentação do disco no Linux. O Baixaki escolheu dois algoritmos para a realizaçãod dos procedimentos. O primeiro deles permite que o usuário saiba quão desfragmentada está a sua pasta pessoal ou qualquer outro diretório do computador.

O segundo algoritmo, por sua vez, realiza a tarefa de desfragmentar o disco e tornar o acesso aos arquivos mais veloz. Confira abaixo o passo a passo de como utilizar esses algoritmos sem problemas.

Analisando a pasta pessoa do sistema

  1. O primeiro passo na análise do disco é baixar os algoritmos necessários. Abra uma janela do Terminal e digite o seguinte comando:

    $ gedit defragmentation.pl &
  2. Uma janela do editor de texto padrão do Linux será exibida. Copie e cole o código presente neste link para dentro do arquivo criado. Salve as alterações feitas e feche a janela.

  3. Agora é preciso tornar este arquivo PL um executável. Para isso, digite o seguinte comando:

    $ chmod +x defragmentation.pl
  4. Para executar o arquivo e verificar como está a fragmentação da sua pasta, utilize o comando:

    $ sudo ./fragmentation.pl /home/USUARIO*

    *Subtitua USUARIO pelo seu nome de usuário no sistema.
  5. Pronto! O resultado da análise é exibido no próprio Terminal, como mostra a imagem abaixo.

Resultado do primeiro algoritmo

Desfragmentando a pasta

  1. Os passos para desfragmentar uma pasta são bem parecidos com os listados acima. Primeiro é preciso criar um arquivo chamado defrag.pl e copiar o código presente neste link para dentro dele, salvando as alterações realizadas logo em seguida.

  2. Novamente, é preciso tornar o documento PL um executável. Basta digitar o comando abaixo no Terminal para que isso aconteça.

    $ chmod +x defrag.pl
  3. Feito isso, finalmente é hora de executar o arquivo e deixar que ele faça todo o trabalho pesado organizando as pastas e arquivos presentes no seu diretório pessoal. Para isso, utilize o comando abaixo:

    $ sudo ./defrag.pl /home/USUARIO*

    *Subtitua USUARIO pelo seu nome de usuário no sistema.

O processo de desfragmentação pode levar algum tempo. Tudo depende da quantidade de arquivos presentes na pasta pessoal e também quanto eles ocupam de espaço no disco. Uma mensagem será exibida no Terminal quando o processo for concluído, por isso fique de olho.

Apenas para lembrar

Embora não seja muito comum usuário do Linux desfragmentarem o disco, às vezes esse procedimento pode ser necessário. Se ao executar o arquivo defragmetation.pl o número de arquivos não contínuos for muito grande, é recomendado que a desfragmentação seja realizada.

Fique de olho! Às vezes você pode estar sofrendo com lentidão para abrir um documento devido à fragmentação dos arquivos. A solução é bem simples e pode facilitar muito a vida dos usuários.

Cupons de desconto TecMundo: