Insumos da CoronaVac devem chegar ao Brasil no dia 3 de fevereiro

1 min de leitura
Imagem de: Insumos da CoronaVac devem chegar ao Brasil no dia 3 de fevereiro
Imagem: Xinhua/Reprodução
Avatar do autor

O Instituto Butantan confirmou, nesta terça-feira (26), que o primeiro lote dos insumos necessários para a produção de mais doses da vacina CoronaVac deve chegar ao Brasil no próximo dia 3 de fevereiro. O material estava retido na China há alguns dias.

Serão enviados 5,4 mil litros do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) neste primeiro embarque, matéria-prima com a qual é possível produzir cerca de 8,6 milhões de doses da vacina contra covid-19, em até 20 dias, de acordo com a instituição.

Na entrevista coletiva, que teve a participação a distância do embaixador da China no Brasil Yang Wanming, o diretor do Instituto Butantan Dimas Covas afirmou ainda que há outros 5,6 mil litros de IFA em processo de liberação “avançado” por parte do governo chinês, mas sem dar prazo para a chegada deste lote.

A CoronaVac é o principal imunizante utilizado no Brasil, até o momento.A CoronaVac é o principal imunizante utilizado no Brasil, até o momento.Fonte:  Unsplash 

Com os 11 mil litros de insumos totais, Covas acredita ser possível regularizar, até o final de abril, as entregas da vacina contra o novo coronavírus solicitadas pelo Ministério da Saúde, completando as 40 milhões de doses contratadas pelo órgão. Vale lembrar que o acordo inicial com o laboratório Sinovac previa 46 milhões de ampolas, das quais 6 milhões já chegaram prontas ao país.

Possibilidade de doses adicionais da CoronaVac

Ainda durante a coletiva, Covas revelou a possibilidade de o Butantan receber uma quantidade de vacinas além do acordado firmado inicialmente com a farmacêutica chinesa. Seriam 54 milhões de doses extras para imunizar a população.

No entanto, a negociação para a aquisição dessas doses adicionais depende do aval do Ministério da Saúde. A pasta foi comunicada do assunto na última sexta-feira (22), mas ainda não se manifestou, segundo o diretor.

Enquanto isso, as doses fabricadas com os insumos recebidos anteriormente pelo instituto terão a distribuição iniciada a partir da próxima sexta-feira (29), reforçando a aplicação em todo o país.

Insumos da CoronaVac devem chegar ao Brasil no dia 3 de fevereiro