Parecia que ia demorar mais do que o cometa Halley, mas a sexta-feira chegou! E com ela, a hora de saber o que esse pequeno animalzinho chamado ser humano anda aprontando com essa vontade louca de saber o que acontece fora desse belíssimo Planeta Azul. Dá uma rodada aí pra baixo pra saber o que rolou no mundo da exploração espacial nessa última semana!

SpaceX lança 60 satélites do projeto Starlink, a internet espacial

O projeto da empresa de Elon Musk de colocar 12 mil satélites em órbita até 2020 para criar uma rede de internet que poderia cobrir o planeta todo começou bem: os primeiros 60 satélites foram lançados. Agora só faltam 11.940. Tudo deu muito certo e você pode assistir ao lançamento — sempre empolgante! — do Falcon 9 clicando aqui. Para completar o sucesso, o propulsor da nave retornou direitinho para a Terra e pousou na plataforma marítima da SpaceX que tem o melhor nome: Of Course I Still Love You (“claro que eu te amo”).

aO conjunto de satélites do projeto Starlink já no espaço

Você pode mandar o seu nome para Marte (pessoas chatas infelizmente ainda não)

Vai levar um baita tempo até que um ser humano possa visitar Marte sem precisar ser PhD em alguma ciência e passar pelos treinamentos dificílimos da NASA. Porém, se vc quer ter um leve gostinho de ter algo seu no Planeta Vermelho, dá pra mandar o seu nome a bordo do Mars Rover que vai partir da Terra em 2020 e chegar lá em 2021. Não é a mesma coisa que ir lá, mas é gostoso pensar que vai haver um chip de silício com nosso nome gravado a pelo menos 55 milhões de quilômetros de distância. Além disso, você pode acumular milhas! Eu já cadastrei meu nome, cadastre o seu também clicando aqui.

aRumo a Marte!

A NASA descobriu que a Lua está encolhendo!

Um recente estudo publicado na revista científica Nature mostrou que a Lua está encolhendo e ficando com a superfície “enrugada”, parecida com uma uva passa, segundo os próprios cientistas da NASA. Esse encolhimento racha a superfície do satélite — que não possui placas tectônicas como a Terra — e isso causa terremotos (ou seriam lunemotos?) que chegam até ao grau 5 da escala Richter. Mas podem ficar tranquilos: a NASA garantiu que a Lua não vai sumir — pelo menos ainda por um bom tempo.

aImagina só, uma "Lua passa"!

Cientistas explicaram por que Marte é um desertão sem água

Encontrar uma aguinha na forma líquida em Marte sempre foi o sonho dos exploradores espaciais. A gente sabe o quanto isso é difícil, mas não exatamente o por que. Lá nunca chove porque a atmosfera rarefeita e sua temperatura extremamente gelada impedem que as nuvens congeladas cheguem a formar chuva e até mesmo neve, como acontece na Terra. Outra coisa que impede a existência de água líquida na superfície do planeta são as tempestades de poeira, que empurram a substância para a atmosfera superior — ela não se condensa e não cai de volta para o planeta.

aA superfície sequinha de Marte

Fiquem ligados na próxima semana que muita coisa legal vai acontecer

  • 27 de maio: O foguete russo Soyuz vai lançar o satélite de navegação Glonass M do Cosmódromo de Plesetsk, na Rússia, às 3h da manhã (horário de Brasília).
  • 29 de maio: Os cosmonautas russos Oleg Kononenko e Alexey Ovchinin vão fazer uma caminhada espacial fora da Estação Espacial Internacional (ISS).
  • 30 de maio: O foguete russo Proton vai lançar o satélite de comunicações Yamal 601, da Gazprom Space Systems, do Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, às 14h42 (horário de Brasília).

Aniversários espaciais nessa semana

  • 18 de maio: lançamento da Apollo 10 (1969)
  • 19 de maio: lançamento do ônibus espacial Endeavour (1996); lançamento do ônibus espacial Atlantis (2000)
  • 24 de maio: lançamento da Aurora 7 (1962), quarto voo do Projeto Mercury, o primeiro programa espacial tripulado dos EUA