SpaceX lança com sucesso os primeiros 60 satélites de “internet espacial”

1 min de leitura
Imagem de: SpaceX lança com sucesso os primeiros 60 satélites de “internet espacial”
Avatar do autor

O projeto Starlink, da SpaceX, pretende colocar em órbita cerca de 12 mil satélites até 2020, com o objetivo de estabelecer uma “internet espacial”, capaz de manter o mundo todo conectado ininterruptamente, mesmo nos locais mais remotos. O primeiro passo dessa missão já era para ter sido dado há algum tempo, mas houveram atrasos e cancelamentos. Agora, a coisa andou.

Ontem (23), após alguns imprevistos devido ao mau tempo, a decolagem do foguete Falcon-9 foi bem-sucedida, assim como a implantação dos satélites. A novidade foi bastante celebrada pela própria companhia quanto pelo CEO Elon Musk, que adora falar muito no Twitter.

A estrutura deve funcionar com energia solar e é feita com material queimado facilmente na reentrada em nossa atmosfera — o que reduz o número de detritos quando ela for desativada e cair na Terra. Provavelmente deve demorar um pouco até que tenhamos a “internet espacial” totalmente operacional, mas ao menos o projeto já está em andamento.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
SpaceX lança com sucesso os primeiros 60 satélites de “internet espacial”