(Fonte da imagem: ThinkStock)

Navegar na internet ou utilizar aplicativos em seu smartphone: independente de qual seja a sua atividade, é preciso saber que alguns dos seus dados estão sendo coletados. Imaginar que é possível realizar atividades com 100% de privacidade é uma ideia muito inocente, mas seria ótimo se nós soubéssemos exatamente o que está sendo capturado. E talvez no futuro isso seja uma realidade.

Um grupo ligado à Aliança de Desenvolvedores de Aplicativos dos Estados Unidos — uma organização que reúne mais de 20 mil programadores independentes e cerca de 100 empresas que atuam no mesmo ramo — está criando um código voluntário de conduta, para que alguns parâmetros comecem a ser atendidos na criação de apps distribuídos pelas lojas virtuais de várias plataformas.

E esse código sugere que os desenvolvedores montem seus aplicativos com sistemas de notificações para que os consumidores saibam exatamente o que está sendo capturado durante a utilização — fotos, dados digitados, senhas, históricos de mensagens, ligações ou navegação, listas, informações sobre cartões e quaisquer outros dados que possam ser entendidos pelos softwares.

O objetivo desse projeto é fazer com que os consumidores saibam exatamente o que acontece “por baixo dos panos”, tendo a oportunidade de comparar isso entre diferentes apps antes de optar por um ou outro software. Não sabemos se algum aplicativo vai ser menos invasivo por conta da necessidade das notificações, mas é claro que saber o que está sendo coletado já pode ser um ótimo começo.

Cupons de desconto TecMundo: