Um dos problemas mais comuns enfrentados por quem já está jogando Street Fighter V são os adeptos do “rage quit”. Como o game não prevê qualquer punição para quem desiste de uma partida, muitos jogadores estão usando isso como forma de manter intactos seus ranking e pontos — por mais que, na prática, eles tenham sido derrotados por seus oponentes.

Ciente do que está acontecendo, a Capcom promete que vai tomar em breve medidas capazes de punir essas pessoas. “Sim, estamos cientes do problema em que jogadores se desconectam antes do fim de uma partida para manter seus Pontos de Liga e sua sequência de vitórias”, afirmou um representante da empresa no blog Capcom Unity. “Agradecemos a todos os jogadores que trouxeram isso à nossa atenção”.

“Estamos trabalhando em uma solução permanente para esse problema, embora não tenhamos uma data exata para compartilhar com vocês no momento. Dito isso, vamos tomar ações diretas a partir da próxima semana para punir esses jogadores que estão abusando do sistema”, complementa a companhia.

No momento, a empresa japonesa pede que os jogadores gravem os momentos em que isso acontece, embora não tenha indicado para onde os vídeos capturados devem ser enviados. Apesar dos problemas, a experiência geral de Street Fighter V tem se mostrado prazerosa para muitos jogadores, especialmente para aqueles que se focam na cena competitiva e não fazem tanta questão dos modos single player — o que não muda o fato de eles serem uma das grandes ausências do game em seu lançamento.

O que você pensa sobre quem dá rage quit? Comente no Fórum do TecMundo