Já pensou em como seria ótimo poder respirar embaixo d’água? Pois junto com “voar”, este ainda é um sonho de muitas pessoas ao redor do mundo. Mas você sabe que o corpo humano não é preparado para isso — afinal de contas os nossos pulmões não possuem a capacidade de extrair oxigênio a partir da água. Porém, existe um equipamento sendo prometido na internet e que seria a solução perfeita para isso.

Trata-se do Triton, um projeto conquistou a internet neste início de 2016 e que já arrecadou mais de US$ 830 mil no Indiegogo. Ele é um respirador portátil — similar ao que vimos no Episódio I de Star Wars (A Ameaça Fantasma). De acordo com os desenvolvedores do projeto, ele deve ser apenas preso à boca e ao nariz para funcionar, levando oxigênio diretamente para os usuários.

Como funciona?

Há a informação de que ele pode garantir até 45 minutos de oxigênio para os nadadores, com suporte para até 5 metros de profundidade em suas jornadas. Mas como isso seria possível, afinal? Segundo os responsáveis por tudo, o grande trunfo estaria numa fibra microporosa responsável pela captura de oxigênio diretamente na água.

Isso mesmo, eles afirmam que essa fibra com buracos menores do que as moléculas de água, faria a separação dos elementos para fazer com que o oxigênio suficiente para um humano fosse conseguido — graças ao microcompressor abastecido por bateria de Li-Ion. É justamente essa bateria que permitira os 45 minutos de autonomia para o sistema.

Trata-se de um projeto maravilhoso, não é mesmo? Seria, se ele fosse uma realidade. Infelizmente, cientistas afirmam que ele é totalmente impossível e isso significa que há grandes chances de que o Triton seja uma mentira criada na internet para enganar investidores. Será que se trata mesmo de uma fraude para roubar dinheiro ou seria uma campanha de conscientização para os investidores do crowdfunding?

Você já financiou projetos no Kickstarter? Comente no Fórum do TecMundo