Internet Explorer perde oficialmente o suporte ao Microsoft 365

1 min de leitura
Imagem de: Internet Explorer perde oficialmente o suporte ao Microsoft 365
Imagem: Andrew Harrer/Bloomberg/Reprodução
Avatar do autor

Após anos de colaboração, o Internet Explorer entrou no processo final de “aposentadoria”. Nesta semana, a Microsoft encerrou oficialmente o suporte ao Microsoft 365 através do tradicional navegador.

“O suporte está não está disponível para aplicativos e serviços do Microsoft 365 no IE11. Além disso, você não deve esperar novos recursos ao acessar o pacote de programas através desse navegador”, explicou a companhia em uma nota no blog oficial.

Internet Explorer ainda é usado por muitas empresas.Internet Explorer ainda é usado por muitas empresas.Fonte:  Web Wad/Reprodução 

Conforme o comunicado, o uso diário do navegador pode “piorar progressivamente” até os aplicativos e serviços do Microsoft 365 serem desconectados. Banners serão usados para comunicar e alertar os usuários sobre as mudanças.

Todos os apps e serviços serão descontinuados gradualmente ao longo dos próximos meses para garantir um final tranquilo do suporte. Então, o Internet Explorer será oficialmente aposentado em 15 de junho de 2022.

Atualmente, 4,5% de todos os usuários do Windows ainda usam o famoso navegador. Grande parte desse número inclui empresas de diversos setores que vão precisar se atualizar e migrar para o Microsoft Edge ou outro software.

Em outubro, uma extensão forçava os usuários do Explorer migrarem para o Edge.Em outubro, uma extensão forçava os usuários do Explorer migrarem para o Edge.Fonte:  Microsoft/Divulgação 

O caminho para a aposentadoria

Por mais de um ano, a Microsoft vem alertando que o Internet Explorer será descontinuado. Desde maio de 2020, a companhia incentiva os usuários a mudarem para outros navegadores, como o Microsoft Edge.

Em uma ação silenciosa para forçar a mudança para o software moderno, a marca enviou o “IEtoEdge BHO” para algumas máquinas em outubro. A extensão redireciona automaticamente mais de 3.700 sites abertos no IE11 para o Edge.

Em novembro do ano passado, a Microsoft também retirou o suporte do antigo navegador ao Microsoft Teams com acesso através da internet, sendo mais uma manobra para que os clientes migrem para os novos softwares.