Adeus, Internet Explorer! Microsoft anuncia fim do navegador

1 min de leitura
Imagem de: Adeus, Internet Explorer! Microsoft anuncia fim do navegador
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

A Microsoft anunciou, nesta quarta-feira (19), que o Internet Explorer (IE) será desativado oficialmente em 15 de junho de 2022 no Windows 10. De acordo com a empresa, todas as atualizações para navegadores daqui para a frente serão feitas no Edge.

A gigante já não oferecia mais suporte ao IE há algum tempo e desta vez decretou "a morte" do software. Ela justificou a ação dizendo que o Edge é mais rápido, seguro e moderno, conseguindo oferecer compatibilidade com sites e aplicativos mais antigos.

"Com o Microsoft Edge, oferecemos um caminho para o futuro da web, respeitando o passado. A mudança era necessária, mas não queríamos deixar para trás sites e aplicativos confiáveis e ainda em funcionamento", argumentou a empresa em uma publicação em seu site oficial.

Microsoft Edge

A companhia também lembrou que o Edge, que utiliza o código Chromium, o mesmo do Google Chrome, oferece recursos como as guias "sleeping", configurações diferentes para uso profissional e pessoal, coleta e organização de informações de sites com o modo "Coleções" e mais.

O browser também foi descrito pela Microsoft como o "mais seguro". "O Edge oferece a proteção mais bem-avaliada contra ataques de phishing e malware no Windows 10 com o Microsoft Defender SmartScreen. Ele também oferece o Password Monitor, que varre a dark web para identificar se suas credenciais pessoais foram comprometidas", conforme a publicação.

A marca apontou, ainda, que os usuários que utilizam o IE devem realizar a troca pelo Edge até 15 de junho de 2022. No caso de empresas que utilizam a versão antiga, a Microsoft lembrou que o navegador mais recente tem o "modo Internet Explorer" que permite emular aplicações. Esse modo de uso terá suporte pelo menos até 2029, segundo a empresa.

Adeus, Internet Explorer! Microsoft anuncia fim do navegador