Windows 11: Microsoft Store traz novo visual, mais apps e zero taxas

1 min de leitura
Imagem de: Windows 11: Microsoft Store traz novo visual, mais apps e zero taxas
Avatar do autor

A Microsoft apresentou hoje (24) a nova loja de aplicativos Microsoft Store, que está presente no Windows 11. Além de trazer um novo visual, a plataforma aceita mais aplicativos e não conta com taxas para desenvolvedores, diferente de concorrentes como Play Store e App Store.

A loja possui um visual mais limpo e que foi feito do zero, de acordo com a companhia. A mudança no design segue os padrões do Windows 11 e promete marcar uma nova era para a plataforma.

Windows'Novo visual da Microsoft Store.

Enquanto a loja do Windows 10 foi lançada com foco nos aplicativos UWP, a nova plataforma é mais aberta. Agora, a Microsoft Store também aceita aplicativos no padrão Win32, que é amplamente popular no sistema operacional, mas não aparecia dentro da loja.

Para incentivar o uso da plataforma, a empresa também cortou as taxas de uso da Microsoft Store. Segundo Panos Panay, os desenvolvedores poderão utilizar seus próprios meios de pagamento e ficar com 100% da receita adquirida com apps lançados na Microsoft Store. Quem usar o sistema de pagamento da loja terá que arcar com uma taxa de 12%.

WindowsApps de Android também estarão disponíveis na Microsoft Store.

Para dar um gostinho de tudo o que está por vir na nova Microsoft Store, a empresa exibiu alguns programas na loja do sistema. Além de softwares populares da Adobe e redes sociais como Pinterest, os usuários poderão baixar a Amazon Store no Windows 11, o que permitirá acessar apps do Android no sistema operacional.

Mais detalhes sobre a nova Microsoft Store serão revelados ainda hoje (24). A empresa vai realizar um evento focado em desenvolvedores às 16h (horário de Brasília)