Desigualdade: 1% dos criadores de apps domina 80% dos downloads mobile

1 min de leitura
Imagem de: Desigualdade: 1% dos criadores de apps domina 80% dos downloads mobile
Avatar do autor

Uma nova pesquisa divulgada pela Sensor Tower, empresa especializada em análise de mercado no setor tecnológico, revelou que 80% dos downloads e compras feitas nas lojas oficiais para dispositivos móveis — Google Play e App Store — foram de aplicativos produzidos por apenas 1% dos desenvolvedores no terceiro trimestre de 2019.

De acordo com a companhia, os publicadores que fazem parte da minoria obteviveram um total de 23,6 bilhões de downloads no período, enquanto a grande maioria, ou seja 99% deles, teve apenas 6 bilhões de downloads na mesma época, uma média de 7.650 transferências para cada (este número representa apenas 0,001% dos downloads do Facebook, por exemplo).

E a desigualdade fica ainda maior quando trocamos o número de apps baixados pela renda gerada com os downloads. Neste caso, os campeões de transferências nas lojas oficiais de aplicativos garantiram um total de US$ 20,3 bilhões entre os dias 1º de julho e 30 de setembro (93% do total arrecadado), sobrando US$ 1,5 bilhão para os demais 99% dos desenvolvedores.

(Fonte: Sensor Tower/Divulgação)

O curioso é que esta enorme disparidade vem ocorrendo ao longo dos últimos cinco anos, com pequenas variações, e já chegou a ser maior no terceiro trimestre de 2018, mostrando como tem sido difícil a vida dos desenvolvedores independentes.

Concentração é ainda maior nos jogos

Conforme o Sensor Tower, o domínio do seleto grupo é ainda maior na categoria de downloads de jogos. A parcela formada por 1% dos editores obteve, no período, 9,1 bilhões de cópias baixadas (82% do total) e uma receita de US$ 15,5 bilhões (95%), sobrando apenas US$ 800 milhões para os demais 99% dos publicadores.

A empresa revelou também que a receita do grupo minoritário no segmento de jogos é dominada pelas empresas Tencent (US$ 2 bilhões), NetEase (US$ 743 milhões) e Bandai Namco (US$ 503 milhões).

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Desigualdade: 1% dos criadores de apps domina 80% dos downloads mobile