Se você tentou se conectar à PlayStation Nework ou à Xbox Live durante o Natal deve ter enfrentado problemas. Isso porque um grupo de hackers denominado “Lizard Squad” derrubou ambas as redes. Segundo eles, o ato não foi simplesmente "pela zoeira", mas também para revelar o quanto são frágeis os sistemas das empresas.

O grupo só teria cessado os ataques após uma boa conversa com Kim Dotcom — e o recebimento de 3 mil contas premium do Mega, totalizando quase US$ 300.000.

Mas afinal, quem é o Lizard Squad? Brian Krebs, um especialista em segurança digital, realizou uma pequena investigação e conseguiu — ao que parece — identificar dois dos membros do grupo que, aparentemente, querem muito ser reconhecidos pelo que fizeram.

No dia 26 de dezembro, dois membros do grupo concederam uma entrevista à BBC Radio. De acordo com Krebs, um deles é Vinnie Omari, que no dia 27 de dezembro concedeu uma entrevista em vídeo ao Sky News, identificando-se como analista de segurança e comentando os ataques.

Vinnie Omari

Krebs também acredita que o rapaz do rádio é o mesmo do vídeo por causa de uma postagem no fórum Hackforums, em que um usuário chamado Vinnie pergunta se pode revender alguns vouchers do Mega que ele recebeu (supostamente aqueles “doados” por Kim Dotcom para que eles parassem de atacar os servidores).

O SkyNews também conversou com outro membro do grupo, identificado apenas como “Ryan” que, de acordo com as informações, trata-se de Julius Kivimäki, um jovem finlandês que já utilizou vários nomes diferentes na internet: “Zee,” “Zeekill” e “Ry|an.”

Segundo Krebs, ele já foi preso em Helsinki em 2013 pela suspeita de rodar uma botnet com mais de 60 mil máquinas por todo o mundo. As informações também indicam que na época ele também tinha em posse cerca de 3 mil cartões de crédito roubados.

O analista em segurança conclui a reportagem dizendo que são apenas especulações e que os dois podem ser apenas dois indivíduos em busca de atenção sem nenhuma ligação com o Lizard Squad ou podem ser os reais responsáveis pela queda da PSN e da Xbox Live.

Cupons de desconto TecMundo: