Se existe uma companhia que não perde tempo na hora de lançar novos aparelhos, essa empresa é a Samsung. Além de contar com uma enorme quantidade de gadgets em sua linha Galaxy, a companhia também tem o costume de lançar as versões “mini” dos seus principais aparelhos.

Por isso, obedecendo a esse script já conhecido por todos nós, chegou ao mercado brasileiro no último mês de agosto a versão simplificada do atual carro-chefe da empresa sul-coreana: o Samsung Galaxy S4 Mini.

O aparelho traz um visual exatamente igual ao do seu antecessor poderoso. Além da construção semelhante, diversas ferramentas de software apresentadas no S4 também foram trazidas ao mini, algo que pode agradar a quem quer um aparelho que traga uma tela menos avantajada.

Com um hardware que o coloca no topo dos smartphones intermediários, o S4 Mini traz, de quebra, a opção de você escolher entre ter conectividade 4G ou uma versão com suporte para dois chips GSM de operadoras diferentes. Confira, em nossa análise, o que achamos do “irmão mais novo” do Samsung Galaxy S4.

Especificações 

Especificações (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Testes de desempenho

Testes de benchmark (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Testes de benchmark (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)Testes de benchmark (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Aprovado

Design de construção

Você já pegou um Galaxy S4 nas mãos? Pois bem, para ter uma noção de como é o visual e a construção do Galaxy S4 Mini, tudo o que você precisa fazer é imaginar o primeiro em um tamanho um pouco mais reduzido.

Verdadeiramente um S4 Mini (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Como já era de se esperar, a Samsung manteve a política de trazer aparelhos bem semelhantes. Aqui, isso ainda é mais evidente do que nas “reproduções” anteriores, como o próprio S3 Mini. Dessa forma, é possível perceber que as linhas laterais prateadas e que imitam o aço escovado, os cantos arredondados e os botões são exatamente iguais aos vistos no Galaxy S4.

Apesar de ser menor e menos poderoso que o Galaxy S4, o S4 Mini se mostra um pouco mais pesado, mas nada que chegue a desagradar, pois o gadget pesa apenas 107 gramas. Em geral, a construção dele é firme e bastante sólida, passando segurança na pegada.

Tamanho

Um dos grandes diferenciais dessas versões “Mini” dos celulares é exatamente a chance de as companhias apresentarem opções de aparelhos com tamanho físico reduzido – algo que foi feito com bastante inteligência pela Samsung em seu novo Galaxy S4 Mini.

Apesar de ser bem menor que o seu irmão poderoso, o pequenino traz uma tela de tamanho razoável, com 4,3 polegadas. De quebra, todo o display pode ser explorado com um só dedo, algo que facilita bastante a utilização do smartphone. Como dito acima, a pegada é firme e confortável, mesmo para pessoas com a mão um pouco menor.

Tela

Falando na tela do Galaxy S4 Mini, as 4,3 polegadas são apresentadas em um display Super AMOLED com resolução de 540x960 pixels. A chamada resolução qHD dá conta do recado e o Galaxy S4 Mini não desagrada nesse sentido.

Display em boa resolução (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

A qualidade de visualização das imagens também agrada, mesmo em ambientes abertos ou com o celular configurado para manter um baixo nível de brilho na tela, algo muito útil e bastante aproveitado por aqueles que curtem estender o uso da bateria.

Apesar de aqui a densidade de pixels ser bem inferior (256 ppi contra 441 ppi no S4), a visualização das imagens não deixa nem um pouco a desejar, afinal de contas, vale a pena lembrar que a tela do gadget também é bem menor.

Sistema e aplicativos exclusivos

O S4 Mini conta com o Android Jelly Bean 4.2.2, uma das últimas atualizações do sistema da Google. Isso garante ao aparelho funcionalidades e desempenho bastante satisfatórios, além de ser um ponto positivo importante com relação à concorrência.

Pare de me ligar! (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

De quebra, a Samsung aproveitou a interface TouchWiz aplicada no Galaxy S4 para trazer diversas ferramentas também para a sua versão “Mini”. Ou seja, várias novidades mostradas pela Samsung na apresentação do seu carro-chefe também podem ser aproveitadas no gadget mais modesto, vamos dizer assim.

Entre essas ferramentas estão o “S Voice”, o “S Translator” e o “Story Album”, por exemplo, todas opções de aplicativos que foram apresentadas como grandes diferenciais no evento de lançamento do Galaxy S4.

Ferramentas simples, mas muito úteis, também aparecem para dispensar o download de diversos programas, como o bloqueio de chamadas por meio da agenda telefônica ou os ajustes personalizados dos níveis de vibração do aparelho.

Edição de imagens (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Outro destaque fica por conta da edição de fotos diretamente por meio da galeria de imagens. Ali você encontra diversas opções de customização, como filtros populares (sépia ou preto e branco, por exemplo), alteração nas cores, mudança na orientação das fotografias, entre outros. Inclussive, você pode encontrar mais informações sobre tais programas na própria análise do Galaxy S4.

Áudio

O sistema de áudio do Galaxy S4 Mini conta com algumas boas opções. Apesar de o volume dos alto-falantes não ser dos mais altos, ele também não chega a comprometer, de forma que você não vai perder alguma ligação por causa disso.

Equalizando! (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Quanto aos recursos “extras”, podemos elogiar a presença de equalizadores de áudio, além da ferramenta “Adapt Sound”, que ajusta e calibra as canções do seu gadget, equilibrando graves e agudos, bem como o volume dos arquivos gravados no seu Android.

Falando em música, o aparelho ainda traz suporte a rádios FM — uma opção simples, mas pouco vista em aparelhos mais novos. Isso é algo que pode agradar à galera que quer ouvir o jogo do seu time ou, então, que simplesmente curte acompanhar uma rádio “tradicional” de vez em quando.

Câmera

A câmera do Galaxy S4 Mini não vem para ser um grande diferencial, mas também não faz feio na hora em que é exigida. Com oito megapixels de resolução, as fotos são tiradas em um aspecto de 4:3, ou seja, elas ficam mais “wide” que na maioria dos outros aparelhos.

LG Optimus 2X vs Galaxy S4 Mini (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Durante os testes, pudemos perceber que ela consegue trazer cores mais fiéis à realidade do que o observado em gadgets mais antigos, concorrentes e com câmeras semelhantes. De quebra, ele ainda é capaz de gravar vídeos em 1080p.

Bateria

O Galaxy S4 Mini traz uma bateria de 1.900 mAh, algo elogiável levando-se em conta o fato de que ele é uma versão “fisicamente reduzida” de um smartphone. Nesse quesito, o desempenho do gadget também se mostrou bastante satisfatório.

Em nossos testes de bateria, com maior stress no produto, a duração de carga para exibição de vídeos em HD (com brilho e volume ajustados em 50%) foi de aproximadamente 8 horas e meia, o suficiente para você assistir a vários filmes.  

Bateria com duração razoável (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

No uso cotidiano, é possível perceber também que navegar na internet e rodar programas por longos períodos de tempo não são grandes problemas para o aparelho, que apresenta um consumo compatível com o de outros gadgets mais novos.

Aqui, a crítica fica por conta do consumo de energia em “stand by” do Galaxy S4 Mini, que se mostra um pouco alto no dia a dia. Mesmo “encostado” em um canto e sem ser movimentado constantemente, percebemos que o smartphone gosta de “beber” um pouco mais do que o esperado.

4G e dual-chip

Como as duas ferramentas vem caindo no gosto da galera, a Samsung não perdeu tempo e resolveu agradar aos dois públicos. Com isso, você pode escolher entre ter a internet de alta velocidade ou, então, a opção de utilizar duas operadoras diferentes de telefonia. Seria legal poder contar com as duas alternativas em um único gadget, contudo, isso provavelmente encareceria o custo final do smartphone, algo que ninguém quer.

Desempenho

O Galaxy S4 Mini traz um processador Qualcomm Snapdragon 400 dual-core de 1,7 GHz. Apesar de não ser um chip de ponta, ele consegue se destacar quando o assunto são os smartphones de linha mais intermediária.

Use-o para matar zumbis! (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

O aparelho conta também com uma GPU Adreno 305, algo que garante um pouco mais tranquilidade para você na hora de processar elementos gráficos, como jogos em 3D, por exemplo. Isso, combinado ao 1,5 GB de memória RAM, garante um desempenho mais que satisfatório para o Galaxy S4 Mini.

Essa memória, por sinal, garante ao gadget a capacidade de trabalhar com diversas tarefas simultâneas, não apresentando problemas na hora de você navegar em sites da internet mais pesados. De quebra, ele conseguiu rodar alguns jogos de última geração durante os nossos testes, algo que pode fazer a alegria de muita gente.

Espaço interno

O Galaxy S4 Mini pode ser encontrado em duas versões, com 8 GB e 16 GB de armazenamento interno. Enquanto que na segunda opção você tem uma quantidade razoável de espaço disponível para “as suas coisas”, na primeira versão, com apenas 8 GB, você pode encontrar problemas na utilização do gadget.

Isso porque, se você considerar o espaço ocupado pelo sistema e por todos os programas da Samsung, apenas 5 GB estarão disponíveis. Assim, é recomendável que você aproveite a entrada para cartões microSD e expanda a sua possibilidade de armazenamento – sendo que na opção de 8 GB isso é praticamente obrigatório.

Reprovado

Onde estão as janelas múltiplas? 

Se diversas ferramentas do Galaxy S4 foram trazidas para o Mini, algumas opções bastante úteis acabaram ficando de fora. Enquanto os controles por gestos podem não ser uma grande prioridade para muita gente (tais controles não foram inclusos no aparelho), o uso do sistema de multijanelas do TouchWiz pode fazer falta.

Essa opção de gerenciar aplicativos na mesma tela facilita a vida de quem quer trabalhar com dois programas ao mesmo tempo, como navegar na internet e preencher informações na agenda do aparelho, por exemplo. Vale lembrar que, apesar de “mini”, o Galaxy S4 Mini conta com uma tela de 4,3 polegadas, algo mais do que suficiente para esse tipo de trabalho.

Outras ferramentas, como a opção para tirar fotos utilizando as duas câmeras simultaneamente ou a utilização do aparelho com luvas, por exemplo, também ficaram de fora da versão Mini do smartphone.

Preço x opções

Apesar de o Galaxy S4 Mini vir recheado de ferramentas interessantes, o seu preço se mostra um pouco salgado. Achamos a versão 4G do gadget por R$ 1.399,88, à vista, preço semelhante ao de aparelhos com hardware mais robusto, mas sem o 4G, como o Galaxy S3, que, mesmo apresentando desempenho inferior nos benchmarks listados acima, ainda encontra mais facilidade na reprodução de games mais pesados, por exemplo. O poderoso LG Optimus G também pode ser uma boa pedida.

Levando em conta a precária rede LTE do Brasil, o fato de que tal recurso não está disponível na maioria das cidades (sem falar, também, no preço dos planos em nosso país), isso pode acabar afastando alguns consumidores. Muita gente pode acabar escolhendo ter um aparelho com hardware mais poderoso gastando o mesmo valor – ou, quem sabe, até menos.

Vale a pena

Com o Galaxy S4 Mini, a Samsung consegue apresentar um aparelho que vem para bater de frente com os principais smartphones intermediários disponíveis no mercado. A sua configuração pode não ser de ponta, mas consegue dar conta do recado sem que o gadget precise fazer muito esforço na maioria dos casos.

Galaxy S4 Mini (Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

O smartphone não encontra nenhum problema na hora de rodar os aplicativos, traz uma bateria capaz de mantê-lo em funcionamento por um tempo aceitável e, de quebra, ainda conta com uma câmera capaz de produzir fotografias com qualidade bastante razoável.

Se o preço do gadget pode se mostrar um pouco salgado para a versão Mini de um smartphone que é o carro-chefe da Samsung, vale lembrar também que o S4 Mini vem para agradar àqueles que procuram um aparelho funcional e com a tela não tão grande, podendo ser utilizado com uma só mão tranquilamente.

Cupons de desconto TecMundo: