Amazon encerra ação com funcionários pagos para elogiar a empresa

1 min de leitura
Imagem de: Amazon encerra ação com funcionários pagos para elogiar a empresa
Imagem: TechCrunch/Reprodução
Avatar do autor

A Amazon encerrou uma campanha no Twitter que pagava funcionários para compartilharem "o quanto eles amavam trabalhar na empresa". Na ação, colaboradores recebiam para publicar na rede social algumas impressões positivas do serviço, com objetivo de rebater acusações feitas nos últimos anos. Conforme a apuração do The Intercept, a ação da empresa no Twitter começou em 2018, logo após várias críticas à companhia em relação às condições de trabalho.

No documento interno da Amazon analisado pelo jornal, a empresa explica que os empregados eram selecionados para participar do programa a partir do seu "senso de humor". Os escolhidos recebiam no Twitter o título de "Embaixadores da Amazon FC" e tinham a missão de responder críticas sobre a empresa de maneira simpática.

Uma investigação realizada pelo site Bellingcat encontrou, pelo menos, 53 contas ativas no Twitter com o título de embaixador da Amazon. A pesquisa também mostrou que os usuários quase sempre usavam o mesmo tipo de abordagem nos textos, além de compartilhar imagens e fotos semelhantes.

Elogios de funcionários à Amazon no Twitter seguiam mesmo padrãoElogios de funcionários à Amazon no Twitter seguiam mesmo padrãoFonte:  TechCrunch/Reprodução 

Um exemplo de publicação dos embaixadores diz: “Tenho trabalhado na Amazon atendendo pedidos por 2 anos. Se eu não estivesse sendo pago o suficiente para isso, acham que eu ainda estaria aqui? Pacote de benefícios completo (e generoso). Ah! E eu adoro as pessoas com quem trabalho! Sim - Estou me dando bem, parceiro! [emoji de cowboy]”.

Os tweets não foram bem aceitos na rede social, e muitos usuários começaram a fazer paródias da ação da Amazon. Mesmo com as críticas e brincadeiras, o jornal Financial Times escreveu que “executivos sênior da Amazon estavam insatisfeitos com o baixo alcance da campanha”. De acordo com a matéria, foi por conta dos resultados que a companhia optou por encerrar a ação e remover os históricos de publicações relacionados.