Desde a explosão do escândalo da Cambridge Analytica, o Facebook vem acumulando processos judiciais e vem sendo questionado por várias frentes, além dos próprios usuários. E agora a situação promete se agravar ainda mais, porque quem vai entrar na jogada é a Federal Trade Comission (FTC), órgão independente que protege o consumidor e regula o mercado norte-americano.

Hoje, a FTC confirma que há uma investigação aberta e não pública sobre essas práticas

“A FTC está firme e totalmente comprometida em usar todas as suas ferramentas para proteger a privacidade dos consumidores. Entre essas ferramentas, destaca-se a ação de imposição contra empresas que não honram suas promessas de privacidade, incluindo o cumprimento do Privacy Shield, ou que se envolvem em atos injustos que causam danos substanciais aos consumidores, violando a Lei do FTC”, diz o comunicado oficial. O Privacy Shield é um mecanismo de proteção de dados firmado entre os Estados Unidos e a União Europeia.  

“As empresas que tenham resolvido ações anteriores também devem cumprir as disposições da FTC que impõem requisitos de privacidade e segurança de dados. Consequentemente, a FTC leva muito a sério as notícias recentes da imprensa, a respeito das preocupações substanciais sobre as práticas de privacidade do Facebook. Hoje, a FTC confirma que há uma investigação aberta e não pública sobre essas práticas.”

Analistas estimam que o Facebook já perdeu US$ 90 bilhões em valor de mercado desde o início do escândalo

Caso seja punida, a empresa de Mark Zuckerberg deve ter que pagar uma multa que ainda não pode ser estimada por cifras, mas que, segundo o The Washington Post, seria “massiva”. Isso viria como um golpe doloroso para a companhia, que já vê perdas acumuladas de US$ 90 bilhões em valor de mercado, segundo informações do Quartz, nesta segunda-feira (26).

Mark Zuckerberg facebookZuckerberg: em maus lençóis depois do escândalo

Além disso, há uma campanha para que as pessoas deixem a rede social. O Congresso estadunidense e o Parlamento britânico e várias outras entidades vêm cobrando respostas sobre a privacidade dos usuários na plataforma. E você, como anda lidando com isso? Tem protegido melhor seus dados ou saiu da rede? Vai sair ou já saiu de lá?

Cupons de desconto TecMundo: