Se você tinha esperanças de ver o Nintendo NX oferecendo uma arquitetura x86 ou Polaris, é melhor esquecer. De acordo com as informações internas da Big N trazidas por Emily Rogers (famosa por divulgar vazamentos que acabam sendo confirmados) através de seu blog, a Nintendo estaria trabalhando em sua própria arquitetura, apostando em chips feitos de maneira personalizada e com um design de hardware bastante moderno.

Em seu post, Emily conta que a empresa está usando chips extremamente modernos para seu novo console, mas que isso não necessariamente significa que a companhia tem como objetivo criar o aparelho mais poderoso do mercado. E não adianta insistir quanto à possibilidade de a Nintendo apostar nos promissores Polaris: segundo ela, essas informações são todas “malucas”.

Tudo o que eu ouvi (até agora) indica que o NX não vai mandar para longe qualquer um dos consoles no mercado hoje... Exceto pelo Wii U

Independente de sua arquitetura, parece que o Nintendo NX realmente será o aparelho menos poderoso da nova geração. Em seu texto, Emily reforça o fato de que o poder do console está muito mais próximo do Xbox One do que do PS4 – e mesmo isso pode ser “forçar um pouquinho”. Ela também lembra que a diferença de arquitetura torna a comparação difícil, mas que ele mesmo assim não deve superar os competidores da Sony e da Microsoft.

Ou seja: pode abandonar suas esperanças de um console muito mais poderoso do que o aparelho da Sony. Que dirá então um modelo capaz de competir com o PlayStation 4K...

NVIDIA no NX portátil?

As novidades sobre o Nintendo NX não acabam por aqui: rumores vindos do site SemiAccurate indicam que a versão portátil do dispositivo deve vir com um poder gráfico realmente alto. Isso porque, no lugar de desenvolver seu próprio hardware gráfico ou usar algo da AMD, a Big N vai utilizar um SoC da NVIDIA baseado na tecnologia Tegra.

Essa decisão seria resultado do fato de a equipe da NVIDIA receber ordens de conseguir uma “vitória” nos consoles de qualquer maneira – o que não é surpresa, visto que a última geração de aparelhos no mercado de games veio apenas com chips gráficos da AMD. Os rumores também revelam que a estratégia da companhia em dizer estar focada na linha Shield era apenas resultado de sua rejeição por parte da Microsoft e da Sony e que isso teria ferido o orgulho da empresa de placas de vídeo.

Tudo isso, por sua vez, permitiu à Nintendo conseguir uma negociação bastante favorável, ao ponto de trazer prejuízos para sua nova parceira. Nada foi dito sobre a geração da linha Tegra que será usada no portátil ou o tipo de processo usado em sua fabricação, no entanto, nem se a NVIDIA também vai suprir os chips gráficos das duas versões do console.

Nada confirmado, por enquanto

Infelizmente, uma vez que o Nintendo NX só vai ser lançado em março de 2017, não devemos ter informações confirmando esses rumores tão cedo. Talvez algo surja durante a E3 2016? Bem, tudo o que podemos fazer sobre isso é esperar.

O que poderemos esperar do Nintendo NX? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: