Embora os novos iPhone tenham acabado de ser anunciados, a Apple não reduziu o ritmo e já está a se preparar para o próximo ano. E como já diziam os rumores: a chinesa TSMC será a única fabricante de seus chips A13, com lançamento programado para 2019.

A Apple é conhecida pelas suas soluções exclusivas, mas não é responsável pela sua produção — apesar de desenvolver seus projetos. Fabricantes como a chinesa Taiwan Semiconductor Manufacturing Company (TSMC) são responsáveis pela distribuição em grande escala e é de suma importância a ótima qualidade de seus produtos.

O lançamento dos chips A12 de 7nm deu à Maçã a vantagem no mercado de processadores, estando a frente de outras companhias — que ainda usam chips de 10nm. A TSMC, por sua vez, domina metade do mercado de produção de chips — justificado também pela produção de chips Apple desde 2016; número que deve crescer com esse novo acordo.

Essa produção deve favorecer a imagem da TSMC para outras companhias. AMD, por exemplo, já entrou em acordo com a fabricante para produção de seus chips — também de 7nm. E espera-se que Huawei, Qualcomm e Nvidia também entrem em contato.

Não há informações sobre o chip A13 (nem sobre as possíveis melhorias de performance). Contudo, antes disso, o A12X deve ser anunciado e ser equipado no novo iPad Pro (cujo modelo mais antigo é equipado pelo A10X) e deve ser produzido também pela fabricante chinesa.

Cupons de desconto TecMundo: