Mate 30 e Mate 30 Pro chegam em 19 de setembro, confirma Huawei

1 min de leitura
Imagem de: Mate 30 e Mate 30 Pro chegam em 19 de setembro, confirma Huawei
Avatar do autor

Os novos smartphones de alto desempenho da Huawei finalmente tem uma data de apresentação: a companhia confirmou que os celulares da linha Mate 30 serão lançados em 19 de setembro, em um evento na Alemanha.

A fabricante chinesa confirmou a data com um breve teaser nas redes sociais com o tema "repense as possibilidades". Outro detalhe interessante que aparece no material promocional é a expressão "circulo completo", que pode ser um indicativo do formato das câmeras dos novos celulares.

Entrando no campo das possibilidades, o suposto Huawei Mate 30 Pro apareceu em rumores com um conjunto de múltiplas câmeras em uma grade circular. O mesmo design também foi visto em imagens e renderizações de capas protetoras para o celular.

E o sistema operacional?

Se a Huawei seguir os seus padrões de lançamento, a empresa deve apresentar três celulares no evento: o Mate 30, Mate 30 Pro e Mate 30 Lite. A empresa já confirmou que os modelos mais potentes virão equipados com o chip Kirin 990, que será apresentado oficialmente no dia 6 de setembro, na IFA 2019, e terá suporte para 5G.

Suposta imagem do Huawei Mate 30 Pro. (Fonte: Weibo/Reprodução)

O principal ponto de dúvidas sobre a chegada dos novos celulares é o sistema operacional, já que os aparelhos Mate 30 serão o primeiro grande lançamento global da Huawei após as sanções proibitivas dos Estados Unidos. No mês passado, a empresa recebeu uma trégua de mais 90 dias da Casa Branca, para que os clientes não sejam afetados pela cisão de negócios com a companhia chinesa.

Segundo a fabricante, os novos dispositivos devem chegar ao mercado rodando o Android, que é um sistema operacional aberto, mas vão perder acesso aos serviços da Google, incluindo a Play Store e aplicativos como Gmail e Google Chrome. Caso algum problema impeça a utilização do sistema operacional, a Huawei possui o HarmonyOS como alternativa, mas a empresa já disse que só vai apelar para a solução em casos de emergência.

***

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Mate 30 e Mate 30 Pro chegam em 19 de setembro, confirma Huawei