Huawei só lançará celular com HarmonyOS se for banida do Android

1 min de leitura
Imagem de: Huawei só lançará celular com HarmonyOS se for banida do Android
Avatar do autor

A Huawei ainda está na mira dos Estados Unidos e pode ser banida de fazer negócios com empresas do país, como é o caso da Google, dona do Android. Ainda assim, a empresa não pretende investir em uma versão para smartphones do seu sistema operacional próprio, o HarmonyOS, a menos que seja obrigada a fazer isso.

De acordo com o CNET, o vice-presidente sênior da Huawei, Vincent Yang, disse em um evento que a firma não tem planos de lançar um celular com HarmonyOS em 2019 e pretende continuar com o Android enquanto for possível. Por outro lado, o sistema operacional próprio também é um "plano B" e pode ser utilizado em aparelhos da marca caso a companhia seja proibida de negociar com a Google.

(Fonte: Huawei/Divulgação)

De acordo com o executivo, a próxima leva de dispositivos top de linha da empresa, os aparelhos Mate 30, vão chegar rodando Android. A empresa não descarta a possibilidade de precisar utilizar o HarmonyOS em nos smartphones, mas isso não faz parte dos planos da companhia no momento.

Smartwatch com novo OS chegando

Enquanto os planos são manter o Android nos smartphones, a companhia também já confirmou que pretende trazer o HarmonyOS em outros produtos em breve. Durante o mesmo evento em Nova York, Yang confirmou que um relógio inteligente da marca equipado com o novo sistema operacional já está sendo feito. Uma data de lançamento para o produto, porém, não foi confirmada pelo executivo.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Huawei só lançará celular com HarmonyOS se for banida do Android