10 filmes que o público mais quer ver na versão do diretor

4 min de leitura
Imagem de: 10 filmes que o público mais quer ver na versão do diretor
Imagem: DC/Reprodução
Avatar do autor

Alguns anos atrás, uma petição online feita pelos fãs para liberar o Snyder Cut da Liga da Justiça ganhou centenas de milhares de assinaturas. Na época, Zack Snyder expressou seu desejo de consertar os erros cometidos no filme de 2017. Então, a Warner Bros. concordou em deixar o diretor fazer uma reedição com filmagens adicionais, que foi lançado exclusivamente na HBO Max, no último dia 18.

(DC Films/Reprodução)(DC Films/Reprodução)Fonte:  DC Films 

Agora, os fãs de cinema estão, mais do que nunca, pedindo por mais versões de diretores.

Confira dez versões de diretor de filmes que os fãs adorariam ver.

1. Star Wars: A Ascensão Skywalker

Rebatendo a popularidade do Snyder Cut, os fãs de Star Wars fizeram campanha para uma versão do diretor de A Ascensão Skywalker. Até Dominic Monaghan, que interpretou Beaumont Kin no filme, apoiou o pedido. Algumas supostas cenas extras incluem uma em que Kylo Ren tortura Chewbacca, além de um momento no qual Finn usa a Força. Embora não haja evidências de que um “JJ Abrams Cut” já esteja concluído, parece que há material descartado suficiente para uma versão alternativa.

2. O Exterminador do Futuro — A Salvação

A quarta parte da franquia Exterminador do Futuro — A Salvação tentou desesperadamente capturar a energia de seus antecessores. Embora não tenha sido um fracasso financeiro completo, a resposta morna ao filme foi decepcionante para o diretor McG. Especialmente porque a versão que o público viu não era a que ele tinha em mente. Ano passado, ele disse que existe um corte diferente. O diretor, no entanto, enfatizou a importância do envolvimento dos fãs quando se trata de fazer campanha para o projeto.

3. Alien 3

No começo da carreira, David Fincher quase perdeu suas chances em Hollywood enquanto dirigia Alien 3. A produção foi problemática desde o início, e o diretor ficou tão insatisfeito com o produto final que renegou o filme completamente. Em 2003, uma versão revisada da produção — conhecida como Assembly Cut — tentou reproduzir a visão de Fincher com 25 minutos extras de filmagem.

Embora o Assembly Cut tenha sido recebido mais calorosamente do que o original, Fincher revelou que ele não estava envolvido na produção. Isso significa que o conceito original para Alien 3 ainda existe. É improvável que o diretor volte ao filme devido ao seu ódio desenfreado pelo projeto, mas ainda existe esperança.

4. Batman Eternamente

Em julho de 2020, o escritor Marc Bernardin revelou que existe uma versão de 170 minutos de Batman Eternamente, de Joel Schumacher. Aparentemente, essa versão alternativa era menos exagerada e explorava as questões emocionais e psicológicas que levaram Bruce Wayne (Val Kilmer) a se tornar o Batman. Embora não haja planos atuais para lançar o Schumacher Cut, o estúdio confirmou a informação.

5. O 13º Guerreiro

A produção de O 13° Guerreiro teve uma grande jornada. Baseado no romance Eaters of the Dead, de Michael Crichton, o filme custou US$160 milhões para ser lançado. Sua bilheteria foi uma bomba, mesmo depois que Crichton refez boa parte do filme por conta própria. A versão do diretor original, John McTiernan, foi completamente substituída e um novo final foi adicionado. No entanto, de acordo com o diretor de Duro de Matar, a sua versão alternativa ainda existe e é diferente em vários aspectos.

7. A Outra História Americana

Apesar de ter sido aclamado pela crítica após o lançamento, a versão final de A Outra História Americana não era o produto almejado por Tony Kaye. Esse é um caso raro em que o lançamento nos cinemas ficou mais longo do que o diretor pretendia. Kaye supostamente mostrou uma versão teste do filme e teve um bom desempenho. Contudo, após algumas sugestões de Michael De Luca, da New Line Cinema, Kaye encurtou drasticamente a sua segunda versão, de forma inadequada para o lançamento. Assim, as tensões aumentaram, e Kaye rejeitou a versão final mais longa que chegou aos cinemas.

8. Além da Linha Vermelha

O primeiro corte do épico de guerra de Terrence Malick tinha 5 horas de duração e levou 7 meses para ser montado. À medida que o filme foi diminuindo, as atuações de vários atores foram completamente removidas, enquanto de outros foram reduzidas a quase participações especiais. Malick discutiu com os produtores do corte final, que acabou ficando com 170 minutos.

9. Duna

A ficção científica de David Lynch, Duna, foi um fracasso de proporções épicas. Lynch rejeitou o filme após o lançamento, afirmando que seu controle artístico foi restringido por produtores e financiadores. Ele teve o privilégio de edição final negado e, embora pelo menos três versões do filme tenham sido lançadas, nenhuma delas emulou a sua visão.

Em alguns cortes, o nome de Lynch é substituído por Alan Smithee, um pseudônimo usado por diretores que desejam se separar de um projeto. Anos mais tarde, quando questionado da adaptação de Duna, de Denis Villeneuve, Lynch disse que tinha “interesse zero”.

10. Esquadrão Suicida

Depois que a Warner deu sinal verde para Liga da Justiça de Snyder, os fãs imediatamente desviaram a atenção para outro filme injustiçado da franquia da DC: o Esquadrão Suicida. O filme foi exagerado pelo trailer perfeito e um forte marketing, mas o corte final deixou muito a desejar. O próprio David Ayer confirmou que a versão do diretor "definitivamente existe" e que cabe à AT&T e à HBO Max "deixá-lo ver a luz do sol". Ele também descreveu a sua versão do Esquadrão Suicida como um "drama emocionante e complexo". Porém, nesta semana, o CEO da Warner afirmou que não teremos o Ayer Cut.