Esquadrão Suicida: CEO da Warner afirma que não terá Ayer Cut

1 min de leitura
Imagem de: Esquadrão Suicida: CEO da Warner afirma que não terá Ayer Cut
Imagem: Warner Bros/Reprodução
Avatar do autor

A CEO da WarnerMedia, Ann Sarnoff, afirmou que a DC não irá mais desenvolver nenhum outro corte de diretor após o lançamento do Snyder Cut de Liga da Justiça. Isso inclui um pedido dos fãs para que fosse liberado a visão de David Ayer do Esquadrão Suicida, também chamado de Ayer Cut.

O Ayer Cut

Fonte: Warner Bros/ReproduçãoFonte: Warner Bros/ReproduçãoFonte:  Warner Bros/Reprodução 

Após o sucesso da campanha para o Snyder Cut, muitos fãs começaram a pedir para que a Warner liberasse o corte original de Esquadrão Suicida, dirigido por David Ayer.

O diretor afirma que as críticas negativas de Batman Vs Superman e o sucesso de Deadpool fizeram com o estúdio se “metesse” nas regravações e no corte final da produção. Ayer chegou a tuitar que seu drama comovente foi transformado em comédia. Vale ressaltar que a versão que chegou aos cinemas não agradou nem aos fãs e nem à crítica especializada.

Jared Leto, que interpreta o Coringa no longa, não esconde o seu suporte para o lançamento do filme na visão original do diretor. Aparentemente o personagem teria um papel maior no Ayer Cut, incluindo uma cena em que ele e sua equipe lideram um assalto no Asilo Arkham.

Esquadrão Suicida 2

Fonte: Warner Bros/ReproduçãoFonte: Warner Bros/ReproduçãoFonte:  Warner Bros/Reprodução 

Além de afirmar que não irá liberar o Ayer Cut, a Warner também já confirmou um novo Esquadrão Suicida com James Gunn (Guardiões da Galáxia) como diretor e roteirista.

As gravações do novo filme já estão completas e de acordo com Gunn, ele teve total controle criativo do projeto. O diretor afirma que o estúdio ofereceu algumas dicas, mas era escolha dele se queria seguir com elas ou não.

Esquadrão Suicida 2 estreia nos cinemas dia 05 de agosto de 2021