Nova torre de lançamento da SpaceX não tem aprovação da FAA

1 min de leitura
Imagem de: Nova torre de lançamento da SpaceX não tem aprovação da FAA
Imagem: SpaceX/Reprodução
Avatar do autor

A Federal Aviation Administration (FAA), órgão governamental responsável pela aviação civil nos Estados Unidos, alertou a SpaceX de que a construção torre de lançamento de foguetes espaciais em Boca Chica, no estado do Texas, não foi aprovada oficialmente.

A agência fiscalizadora resolveu incluir a estrutura na revisão ambiental que está andamento no órgão. A FAA pode, inclusive, recomentar a derrubada da torre de lançamento de 150 metros de altura, mesmo após a conclusão da construção pela empresa de Elon Musk.

Conflitos entre a FAA e Musk

Torre de lançamento terá 150 metros, mas poderá ser desmontada, afirma FAA. (Fonte: Twitter/Elon Musk/Reprodução)Torre de lançamento terá 150 metros, mas poderá ser desmontada, afirma FAA. (Fonte: Twitter/Elon Musk/Reprodução)Fonte:  Twitter/Elon Musk/Reprodução 

Em 2014, a FAA realizou uma avaliação ambiental em Boca Chica, porém a análise foi específica para a série de foguetes Falcon. No entanto, a SpaceX anunciou que planejava obter licenças para lançar os protótipos de foguete da Startship, que são consideravelmente maiores. Isso levou a agência a iniciar uma nova revisão ambiental em 2019.

Em dezembro de 2020, a empresa de Musk realizou o lançamento da Starship SN8, que realizou um voo teste perfeito, mas explodiu antes de pousar. Isso irritou a FAA, que afirmou que o evento violou os requisitos de licenciamento do órgão.

Desde março, a agência fiscalizadora passou a exigir um inspetor de segurança do governo em todos os lançamentos da SpaceX para "garantir a conformidade com os regulamentos federais de segurança pública."

Dois meses depois, em 6 de maio, a FAA alertou a empresa que a recente atividade de construção em uma das duas torres propostas "poderia complicar o processo de avaliação ambiental em andamento para o Programa de Starship".

Desenvolvimento da Starship

A Starship está sendo desenvolvida para lançar cargas e humanos em missões à Lua e Marte. De acordo com a empresa, a próxima geração de naves espaciais da SpaceX terá capacidade de transportar mais de 100 toneladas métricas para fora da Terra e será fundamental para atingir o objetivo da empresa de construir, até 2050, uma cidade com 1 milhão de habitantes no planeta vermelho.

Nova torre de lançamento da SpaceX não tem aprovação da FAA