Jogos para tablets e smartphones não estão só cada vez mais populares: eles estão também melhores. Esses dispositivos móveis agora têm games que englobam todos os gêneros e todos os gostos, de estilo retrô com estilo de jogo plataforma 2D a títulos com gráficos de qualidade — inferiores a PC e consoles, claro, mas o suficiente para matar a vontade de quem não conta com uma máquina poderosa.

Porém, uma reclamação é quase unânime: os controles embutidos na tela sensível ao toque, que fazem parte de vários games, são desconfortáveis e pouco precisos.

A boa notícia é que existem soluções e elas são acessíveis. O TecMundo testou dois controles Bluetooth da fabricante 8BitDo para Android e iOS que substituem o touchscreen e fazem o seu mobile ser só a tela. Confira a seguir como foi essa experiência.

NES30 Game Controller

Logo de cara, você percebe qual é o público-alvo: esse controle é uma verdadeira homenagem aos jogos de gerações anteriores. O design é uma mistura do visual do Nintendinho (NES) com o do Super Nintendo (SNES). Do mais velho, ele herda as cores em tons de cinza, o direcional (D-pad, uma revolução na época) e o formato retangular, rústico. Do sucessor, quatro botões de ação na frente em vez de dois (“A”, “B”, “X” e “Y”), além do “L” e “R” no topo.

Um pedaço da tampa traseira pode ser removido e colocado em cima da mesa. Assim, ele vira um suporte para o celular. Isso só funciona direito com o aparelho horizontal, mas já é uma gambiarra que melhora muito a visibilidade da tela.

Em nossos testes, os botões responderam bem aos comandos, e achamos que eles têm o tamanho na medida certa. Só o direcional é um pouco duro demais e você pode levar um pouco para se acostumar, mas nada que realmente incomode. O NES30 ainda vem com um chaveiro decorativo e um cabo USB para recarga ou conexão com o PC. Sim, ele também funciona com Mac e Windows.

Zero

Bem diferente do outro modelo, o Zero é um controle em miniatura. Na verdade, sua principal função e ser um chaveiro estiloso que também tem botões e Bluetooth. No design, nada de reclamações: ele é bonito e moderno, parecendo um controle para Wii. Também há um cabo para liga-lo ao PC, além de um cordão para servir de alça para o produto.

Na hora de jogar, um problema: quem tem a mão grande demais pode sentir dificuldades. Os botões e o corpo do controle são pequenos demais. Ele funciona bem nos jogos simples, como plataforma ou RPG, mas acertar o botão certo em games mais exigentes, como de luta, é um desafio. Por outro lado, o direcional é bem melhor e mais confortável que o do 30NES.

Pareamento

A configuração dos controles é bem simples: no Android, ligue pressionando o botão Start por alguns segundos, ative o Bluetooth do seu celular e realize o pareamento. No iOS, pressione Start + A e espere a LED azul piscar por três vezes. Tivemos dificuldade em realizar o pareamento e encontrar games compatíveis no iOS, já que ele funciona pela plataforma iCade, que tem uma lista bem mais reduzida.

No Android, são vários jogos compatíveis, e o melhor de tudo é que a configuração é quase sempre automática. Vários games não respondem bem ou não são compatíveis, mas testamos títulos bem diferentes que estão mais que aprovados, como Asphalt 8, Duck Tales Remastered, The King of Fighters 97 e Final Fantasy III.

Disponibilidade

A 8BitDo não existe oficialmente no Brasil. A fabricante vende seus produtos por sites de comércio eletrônico, como Amazon, Gearbest, Deal Extreme e Aliexpress. O Zero sai por aproximadamente 10 dólares, enquanto o NES30 sai por cerca de 28 dólares.

Esses preços ainda não têm frete e eventuais problemas com a Receita, mas pode valer a pena pra quem joga muito no mobile e é movido pela nostalgia.