Via de regra, é comum ver consumidores desistindo de compras pelos mais diversos motivos: arrependimento, descaso da empresa e por aí vai. Porém, como você reagiria se chegasse ao seu conhecimento o caso de uma companhia que desistiu de fazer uma venda? Foi exatamente isso que aconteceu com a Tesla recentemente. 

A situação envolveu o investidor Stewart Alsop. Ele foi convidado para participar do evento de lançamento do September Model X (realizado em setembro do ano passado), mas pelo visto não gostou tanto assim da oportunidade, tendo em vista uma mensagem que ele publicou no Medium. Nela, ele critica o fato de a empresa ter feito um evento agendado para as 19h começar quase duas horas depois (20h50). 

Ainda que muitos imaginassem que tal fato fosse passar batido, o caso foi um pouco diferente. Nesta semana, Alsop ficou sabendo que a sua reserva de um Model X SUV foi cancelada. E, ao que tudo indica, isso aconteceu por ele “ter xingado muito nas internets”.

Tesla Model X foi apresentado em um evento realizado em setembro do ano passado

Leia parte do comentário feito por ele a seguir: 

“Querido Elon Musk, obrigado por entrar em contato comigo. Da nossa conversa por telefone, pude perceber que você sentiu que a minha mensagem ‘Querido Elon Musk, você deveria se envergonhar de si mesmo’ foi um ataque pessoal. Também ouvi que você não ficou confortável com a ideia de eu possuir um carro da Tesla e cancelou o meu pedido de um Tesla Model X. 

É engraçado porque eu não estava agindo na minha velha função de ser um crítico de companhias e seus executivos. Fiz isso bastante nos últimos 30 anos e estou acostumado a ver diretores-executivos ficarem chateados comigo. 

Neste caso [o do evento de setembro], eu estava agindo como consumidor por ter sido ignorado em um evento feito para o público e acabei escrevendo algo sobre isso. Você é o diretor-executivo da companhia e o responsável pela apresentação do MC naquele evento. Então, eu direcionei a mensagem a você, baseado no sentimento que tive ao ser convidado para ver o carro que eu havia comprado (mesmo sem ver, vale notar) e saí de lá duas horas depois de chegar (e quase quatro horas após sair de casa) sem realmente ver o carro!

Você disse acreditar que o evento começou apenas 30 minutos mais tarde as 20h45 (ainda que o convite pedisse que todos estivessem no local 19h30 em ponto). Ouvi que você disse que o evento foi um grande sucesso e que teve a oportunidade de ver pessoas admirando e falando sobre o Model X até meia-noite. Acredito que você imaginou que eu ter deixado o local as 21h foi muito cedo e eu realmente deveria ter esperado caso quisesse ver o carro”. 

A mensagem continua com Alsop dizendo que havia feito algo do gênero anteriormente em relação à BMW, mas a companhia não pediu para pegarem seu BMW X1 de volta. Além disso, ele deixa claro que, depois do ocorrido, sabe que nunca mais terá a oportunidade de comprar um Tesla.

O que você achou da atitude da Tesla de não vender um carro a um cliente que reclamou na internet? Comente no Fórum do TecMundo