Estudantes da Ohio State University estão trabalhando em conjunto com a empresa Venturi para criar a nova versão do que pode ser considerado o dragster elétrico mais rápido do mundo. Estamos falando do VBB-3 (Venturi Buckeye Bullet-3), que utiliza motores elétricos e está prometendo atingir velocidades altíssimas. De acordo com os engenheiros responsáveis, é possível que em breve o veículo consiga atingir a velocidade impressionante de 640 quilômetros por hora.

Para chegar até essa marca, eles reuniram 2 mil células de energia com oito pacotes de bateria em cada um. Isso é suficiente para alimentar os motores elétricos que somam cerca de 3.000 cavalos de potência. Também existem paraquedas de alta potência para que seja possível auxiliar o processo de frenagem do veículo — uma vez que ele precisa de vários quilômetros até que toda a desaceleração seja concluída.

Vale dizer que essa não é a primeira parceria entre as duas equipes. Em 2010, uma versão anterior do veículo — a VBB-2.5 — conseguiu atingir a incrível marca de 494 quilômetros por hora, também com motores elétricos. Neste final de semana, o VBB-3 estará no Bonneville Salt Flats (o deserto de sal de Bonneville) para uma nova tentativa de quebra de recordes. Será que o veículo vai conseguir atingir as marcas desejadas?

Qual é a velocidade que você considera segura para dirigir um dragster elétrico? Comente no Fórum do TecMundo