Câmera mais potente do mundo tira fotos a 570 megapixels e fotografa o espaço

Dark Energy Camera é capaz de registrar corpos celestes a 60 milhões de anos-luz da Terra.
  • Visualizações17.410 visualizações
Por Durval Ramos Junior em 18 de Setembro de 2012

Câmera mais potente do mundo tira fotos a 570 megapixels e fotografa o espaçoAmpliar (Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

Comprou uma máquina fotográfica nova e está empolgado com os 12 megapixels de resolução que ela é capaz de registrar? Então esconda esse sorriso e conheça a câmera que vai fazer você se sentir usando um daguerreótipo. Afinal, o que esperar de um equipamento capaz de fotografar o espaço?

Pois é exatamente isso o que a Dark Energy Camera é capaz de fazer. Além de um nome realmente legal, ela consegue registrar objetos a anos-luz de distância com uma qualidade incrível. São nada menos do que 570 megapixels para cada foto feita. Entendeu o porquê de sua Canon ou Nikon não serem nada mais do que um ponto no universo?

Para chegar a esse número absurdo, pesquisadores da Dark Energy Survey se dedicaram por mais de oito anos para fazer com que os 62 dispositivos utilizados trabalhassem em conjunto e agissem como um único grande e potente sensor. O resultado, como você confere nessas imagens, é surpreendente.

Câmera mais potente do mundo tira fotos a 570 megapixels e fotografa o espaçoAmpliar (Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

Mais do que isso, as imagens que ilustram esta notícia são as primeiras fotos que a Dark Enegy registrou. Capturadas no último dia 12 de setembro, elas comprovam que o tempo utilizado para o desenvolvimento do equipamento não foi em vão. Entre os corpos e fenômenos celestes, temos uma galáxia que está a 60 milhões de anos-luz da Terra.

De acordo com o diretor de ciência do Departamento de Energia dos Estados Unidos, James Siegrist, a supercâmera foi criada com o propósito de permitir aos cientistas compreender o mistério da chamada energia negra e sua importância no universo. No entanto, mesmo que as primeiras fotos não tenham sido capazes de esclarecer esse ponto, ele considera o desempenho obtido muito positivo, descrevendo-o como o início de uma era na exploração da fronteira cósmica.

Fonte: Gizmodo



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!