A Apple acabou de apresentar o iOS 10 ao mundo durante a WWDC 2016, e a companhia focou em 10 principais novidades que o sistema para iPhones e iPads deve receber. Contudo, os maiores destaques foram a nova tela de desbloqueio, junto com novidades da Siri e a introdução de inteligência artificial no Photos e no Messages.

Além dessas dez novidades, o sistema dos iPhones e iPads deve receber uma série melhorias menores, que o tornarão mais usual. Confira agora todas as novidades:

1. Tela de desbloqueio usabilidade

Houve uma completa remodelação da interface da tela de desbloqueio para torná-la mais útil em tempo de Touch ID funcionando “na velocidade da luz”. Basicamente, o desbloqueio de iPhones e iPads com impressões digitais ficou tão rápido que foi preciso repensar a tela de desbloqueio para o usuário conseguir aproveitar alguma coisa por ali.

A primeira medida tomada pela Apple nesse sentido foi fazer com que a tela dos iPhones seja ligada automaticamente quando o usuário pega o smartphone na mão, do bolso, de uma mesa ou qualquer outro lugar. Com isso, antes de colocar o dedo no leitor, você pode conferir as prévias das suas notificações.

Há também um novo atalho para a câmera: arrastando o dedo da direita para esquerda, você abre o app de captura e pode começar a filmar ou fotografar ali mesmo. O Force Touch agora também funciona na tela de desbloqueio, mostrando informações extras em widgets a partir das notificações quando você aperta na tela com mais pressão.

2. Siri

A novidade mais aplaudida certamente foi a liberação do uso da Siri por desenvolvedores terceiros. Isso quer dizer que, a partir de agora, a assistente pessoal poderá interagir com apps de outros desenvolvedores que não a Apple. O exemplo mostrado no palco foi o do uso da Siri para mandar uma mensagem através do WeChat.

A pessoa pode simplesmente dizer: Siri, mande um WeChat para o Paulo. Com isso, a assistente vai perguntar o conteúdo da mensagem e enviá-la. Apesar de novidade no iOS, esse recurso já está disponível no Google Now e nativamente no Moto Voz da Motorola há anos.

3. QuickType

QuickType é basicamente a implementação da Siri no teclado do iOS. A ferramenta vai utilizar a inteligência e a proatividade da assistente para auxiliar os usuários enquanto eles digitam mensagens. Você receberá sugestões sobre compartilhar localização, informações de contatos, dados do calendário e outras de acordo com o que acontece na sua conversa.

4. Photos

O Photos também recebeu melhorias, e, com inteligência artificial, agora identifica e separa suas imagens armazenadas localmente e na nuvem identificando o rosto das pessoas automaticamente. A empresa diz que todo o processamento será feito localmente no dispositivo, eliminando preocupações com privacidade. Novamente, mais um recurso copiado da Google, dessa vez do Google Fotos.

5. Apple Maps

O sistema de mapas da Apple recebeu uma remodelação no design e, no que tange funcionalidade, ele se tornou mais proativo, sugerindo mais coisas ao usuário ao prever certas atividades. Com isso, não será mais preciso interagir tanto com o Apple Maps para chegar a lugares que você frequenta bastante, por exemplo.

É interessante notar que, como no Waze, o app vai mostrar informações de tráfego à frente, e oferecerá rotas alternativas quando houver engarrafamento. Você poderá então escolher o caminho mais reto ou o mais rápido.

6. Apple Music

Outro app que recebeu uma remodelação foi o Apple Music. Ele ficou com uma interface mais simples, uma vez que o app atual requer um pouco de tempo para encontrar ferramentas comuns em players populares. Apesar disso, as guias de conteúdo no fundo da tela continuam iguais. O app também trará letras de músicas enquanto você ouve alguma canção.

7. Apple News

Essa ferramenta também foi redesenhada para se tornar mais intuitiva e compartilha vários elementos visuais com o Apple Music. Não há muitos recursos realmente novos, mas sim uma nova forma de usar o Apple News, o que deve facilitar a vida de quem já adotou a ferramenta para si.

8. HomeKit

O iOS 10 ganhou um novo app chamado “Home”, que consiste basicamente em um hub de controle para equipamentos domésticos inteligentes. Ele funciona com o HomeKit da Apple, que é basicamente uma plataforma sobre a qual criadores de hardware para a internet das coisas podem trabalhar. As funções do Home vão aparecer direto na tela de controle, acessível arrastando dedo de baixa para cima no fundo da tela.

9. Discador

O discador dos iPhones agora terá um recurso para transcrever as mensagens deixadas para você no correio de voz. Com isso, não será mais necessário ligar para o correio de voz da sua operadora para ver o que deixaram em sua caixa postal. Mais ou menos como o True Caller, o discador da Apple também vai identificar números desconhecidos quando eles forem potencialmente spam.

10. Messages

O app Messages, mensageiro oficial do iOS, também recebeu novidades. A empresa introduziu deep learning no software, que usa inteligência artificial para sugerir palavras, correções e até mensagens inteiras quando você está interagindo com alguém pelo app, o QuickType. Emojis animados ao estilo Winks do finado MSN também foram introduzidos, e o app no geral passa a seguir bem de perto do estilo do Allo, da Google. Há também prévias de vídeos e outras mídias quando você recebe algo e ainda não baixou todo o conteúdo.

Mais

Além dessas 10 grandes novidades, algumas pequenas melhorias foram introduzidas. O app de anotações agora permite criar conteúdo de forma colaborativa, o Safari agora funciona em tela dividida no iPad e as Live Photos também ficaram mais estáveis podem ser editadas.

A versão beta para desenvolvedores do iOS 10 já pode ser baixada no site da companhia, e haverá um beta público sendo lançado no mês que vem. A versão final chega aos usuários entre setembro e dezembro deste ano.

Fique ligado no TecMundo para mais novidades da WWDC 2016 e do iOS 10.

Cupons de desconto TecMundo: