Ter o celular perdido ou roubado é um grande transtorno. Além do prejuízo financeiro, ainda é necessário perder tempo para avisar os contatos e tentar minimizar o impacto da perda — inclusive para evitar que os amigos sejam enganados com golpes de falso sequestro, por exemplo. Mas como fazer para que o WhatsApp seja bloqueado e evitar que alguém tenha acesso às mensagens e aos contatos?

O processo envolve diversos passos, mas todos são bem simples de serem realizados. Apesar do transtorno, é interessante ter isso em mente para evitar que pessoas não autorizadas consigam obter vantagens com os seus dados. Vamos conferir como fazer tudo isso agora mesmo?

O que eu preciso fazer?

Assim que o celular for roubado — ou que você tenha certeza de que ele foi mesmo perdido —, ligue para a sua operadora e peça para que o número seja bloqueado. Logo em seguida, é necessário entrar em contato com o WhatsApp para que você possa pedir a suspensão da conta. Isso deve ser feito pelo email: “support@whatsapp.com”.

Na mensagem enviada, você deve explicar que o seu aparelho foi roubado e informar o telefone em que a conta está cadastrada. É essencial que isso seja realizado no formato internacional, como o próprio WhatsApp explica neste link. Isso significa que o telefone deve ser informado com DDI, DDD e número local — +55 11 00000-0000, por exemplo.

Após tudo isso, quando você já estiver com um novo aparelho, você pode apenas instalar o aplicativo e em seguida realizar a reativação da sua conta. É válido dizer que existe um prazo de 30 dias entre a desativação e reativação. Caso você não reinstale o aplicativo em 30 dias, sua conta será completamente excluída dos servidores do serviço.

Mas fique atento: suas mensagens não são recuperadas quando a conta for reativada. Como explica a página de suporte do WhatsApp: “O seu histórico de conversas fica salvo no seu aparelho, nós não temos como recuperar mensagens anteriores.”.

Cupons de desconto TecMundo: