(Fonte da imagem: Reprodução/The Verge)

Na semana passada, o serviço de streaming de músicas Grooveshark se envolveu em uma pequena controvérsia. O app do serviço foi novamente reintegrado ao Google Play, mas por alguns dias apenas, para depois ser retirado outra vez sem muita explicação.

Enquanto o site aguarda uma posição da Google para que possa estar disponível novamente para os usuários, os administradores do serviço anunciaram algumas melhorias na versão mobile do site que podem fazer com que o app se torne completamente dispensável.

A ideia é que o site seja redesenhado em HTML 5, o que permitiria que tanto usuários de Android quanto do iOS pudessem acessar o conteúdo e ouvir as músicas sem a necessidade de baixar nenhum tipo de app. Em contrapartida, a versão mobile contém muito mais anúncios em seu layout.

Uma versão Beta do Grooveshark mobile em HTML 5 já está disponível para testes nos Estados Unidos. A empresa informou ainda que o novo recurso não tem previsão de ser aplicado nas versões internacionais do serviço, mas a migração deve acontecer em alguns meses.

Fonte: Grooveshark

Cupons de desconto TecMundo: