A Sony acaba de adicionar a Softkinetic ao catálogo de companhias das quais é dona. Em um anúncio oficial, a gigante japonesa afirmou ter feito uma aquisição completa, após chegar a um acordo com a empresa belga e seus principais acionistas. Assim, ela passa a ser oficialmente uma subsidiária da Sony.

Ao que tudo indica, o principal motivo da compra foi a tecnologia ToF desenvolvida e utilizada nos sensores de imagem da Softkinetic. Para quem não sabe, o “ToF” – ou “Time of Flight” – é um método de medição que calcula a distância de um objeto a partir de seu sensor; para tal, ele usa o intervalo de tempo entre o disparo de um feixe de luz, sua reflexão em uma superfície e seu retorno ao sensor de imagem.

E para quê ela pretende utilizar isso? Infelizmente, a Sony não disse nada sobre isso especificamente, se resumindo a avisar que planeja combinar essa tecnologia com o desenvolvimento de sua próxima geração de sensores de imagem. De fato, a informação não é tão surpreendente, visto que a companhia anunciou uma reestruturação de seu negócio de sensores de imagem apenas alguns dias atrás.

Sensores ToF no PlayStation VR?

Junto disso, todavia, a empresa trouxe uma informação potencialmente interessante: ela não planeja limitar os sensores ToF da Softkinetic apenas na área de captura de imagem, mas também usá-la mais amplamente em aplicações relacionadas a sensores.

A afirmação, por sua vez, abre a possibilidade de que a tecnologia seja empregada no PlayStation VR. Afinal, a própria Softkinetic trabalhou recentemente com o Vrvana Totem para trazer seu sensor a ele, e a presença de um sensor ToF no acessório da Sony parece bastante óbvio.

Mesmo assim, é melhor não levar isso como uma certeza absoluta até que a Sony faça novas declarações sobre o assunto.

Você pretende comprar um óculos VR para jogar? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: