Tomada da Sony faz usuário pagar na hora pelo consumo de energia

1 min de leitura
Imagem de: Tomada da Sony faz usuário pagar na hora pelo consumo de energia
Avatar do autor

O ano de 2012 pode não ser o último de nossas vidas, como bem afirma a NASA. Porém, isso não significa que o futuro será, necessariamente, um “mar de rosas”. Se depender da Sony, aquelas tomadas públicas disponíveis em aeroportos e rodoviárias podem se tornar o novo filão do mercado.

Como já noticiado pelo Tecmundo anteriormente, a Sony agora tem investido em tomadas mais inteligentes. Hoje, a empresa demonstrou na prática o que vem a ser o novo produto da companhia: uma espécie de adaptador que gerencia o uso de energia elétrica com a ajuda das tecnologias NFC e RFID.

É provável que a chegada desse tipo de tomada no mercado esteja muito distante da realidade, mas o protótipo apresentado foi capaz de demonstrar um dispositivo se autenticando com a "nuvem" ao ser plugado na tomada. Com isso, seria possível, por exemplo, que o sistema pudesse identificar quais são os eletrônicos ou eletrodomésticos que estão conectados à rede elétrica. Assim, no caso de uma possibilidade de blackout causada pelo consumo exagerado de energia, as tomadas gerenciariam o cenário todo, cancelando o fornecimento para os dispositivos que não sejam tão essenciais.

O vídeo acima também comenta sobre algumas aplicações futuras do invento, como a possibilidade de que carros elétricos possuam sistemas de pagamento integrados com esse tipo de tomada, possibilitando assim que motoristas carreguem a bateria de seu "carango" em pontos específicos disponibilizados pela cidade. Da mesma forma, a invenção também poderia ser usada em restaurantes, cafés e estações de metrô, sempre pronta para atender os clientes que precisam recarregar smartphones ou notebooks.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Tomada da Sony faz usuário pagar na hora pelo consumo de energia