Google descontinua o app Android Auto para celulares

1 min de leitura
Imagem de: Google descontinua o app Android Auto para celulares
Imagem: Pixabay

A versão mobile do aplicativo Android Auto está sendo desativada pelo Google, não funcionando mais em celulares e tablets com qualquer versão do Android, conforme relatou o 9to5Google na terça-feira (21). A partir de agora, a plataforma vai funcionar “apenas para telas de carros”.

Lançado em 2015, o serviço estava disponível tanto nos dispositivos móveis quanto nos sistemas de entretenimento de carros. Por volta de 2018, o Google anunciou que iria priorizar a versão do app para os displays automotivos, não atualizando mais o programa para celulares.

No ano passado, a big tech descontinuou a plataforma em telefones com Android 12, mas o app ainda era executado nas versões anteriores do sistema operacional. Agora, o serviço deixará de funcionar em todos os smartphones, ficando disponível exclusivamente nos automóveis.

O Google já não atualizava mais o Android Auto para dispositivos móveis.O Google já não atualizava mais o Android Auto para dispositivos móveis.Fonte:  Google Play Store/Reprodução 

De acordo com a publicação, o Google vinha avisando aos usuários do Android Auto no celular que o app seria encerrado em breve e esse momento chegou. Quem tem o programa instalado no smartphone é informado que ele só funciona nos veículos, ao tentar abri-lo, e recebe instruções sobre como conectar o aparelho a um carro com o software habilitado.

Modo direção do Google Assistente como alternativa

Embora forneça uma experiência diferente, o modo de direção do Google Assistente pode ser uma alternativa para as pessoas que utilizavam o Android Auto no celular. A ferramenta, que ganhou melhorias em 2021, é acessada por meio do comando “Ok Google, vamos dirigir” ou conectando o aparelho ao Bluetooth do veículo.

A partir daí, o usuário pode acessar o Google Maps para pesquisar rotas, realizar ligações, pedir à assistente virtual para ler as mensagens recebidas, abrir playlists em apps de streaming e muito mais, sem usar as mãos, enquanto dirige.