Bloco de Notas ganha atualização com modo escuro no Windows 11

1 min de leitura
Imagem de: Bloco de Notas ganha atualização com modo escuro no Windows 11
Imagem: Microsoft
Avatar do autor

O Bloco de Notas é uma das ferramentas mais simples e usadas do sistema operacional da Microsoft e, em breve, vai receber uma atualização digna. Nessa terça-feira (7), a empresa começou a disponibilizar o novo visual do Bloco de Notas para os usuários do programa Windows Insider.

Por enquanto, a versão está disponível apenas para alguns testadores do Windows Insider inscritos no Canal Dev, mas a Microsoft está distribuindo a build 22509 gradativamente para todos os usuários do programa de testes. A companhia ainda não revelou uma data de lançamento para a versão oficial.

Apenas os botões Arquivo, Editar e Exibir estarão na barra de tarefas superior.Apenas os botões "Arquivo", "Editar" e "Exibir" estarão na barra de tarefas superior.Fonte:  Windows 

Modo escuro e design alinhado ao Windows 11

Agora, o Bloco de Notas conta com um modo escuro para facilitar a visualização durante a noite ou em ambientes escuros, e até a cor do texto é invertida. A barra de tarefas superior também foi atualizada e serão exibidas apenas as opções "Arquivo", "Editar" e "Exibir", além de um botão para o menu de configurações no formato de uma engrenagem.

O app também foi atualizado com o visual Mica do Windows 11, com contornos arredondados, transparência e botões mais espaçados — inclusive, esses recursos devem facilitar o uso em dispositivos com tela de toque.

A opção Localizar também foi atualizada, substituindo a janela pop-up por um tipo de barra de ferramentas superior centralizada na página, assim, o pop-up não atrapalhará a visão do usuário ao ler ou digitar.

Modo escuro e novo design da opção LocalizarModo escuro e novo design da opção "Localizar".Fonte:  Windows 

Outra novidade é a possibilidade de usar o Ctrl + Z para desfazer diversas vezes, já que no Bloco de Notas atual é possível desfazer apenas uma única vez. A Microsoft também revelou que a versão liberada tem alguns problemas, mas disse que já está trabalhando para corrigi-los. De qualquer forma, mais atualizações são esperadas antes do lançamento na plataforma oficial do Windows 11.

Fontes