Huawei: Harmony OS chega a mais de 120 milhões de usuários ativos

1 min de leitura
Imagem de: Huawei: Harmony OS chega a mais de 120 milhões de usuários ativos
Imagem: Gizchina/Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Depois de começar setembro alcançando 90 milhões de usuários ativos, o HarmonyOS 2.0 chega ao final do mês instalado em mais de 120 milhões de dispositivos, conforme revela o Gizchina nesta segunda-feira (27). A Huawei trabalha com a meta de 300 milhões de instalações até o final de 2021.

Segundo He Gang, diretor de operações de consumo da marca chinesa, o HarmonyOS tem ganhado mais de 1 milhão de usuários por dia, desde o seu lançamento em 2 de junho. Com esse ritmo, ele é atualmente o sistema operacional móvel de crescimento mais rápido do mundo, como afirma o executivo.

Ainda sem contar com uma versão global, o software compatível com dispositivos da Huawei e da Honor ganhou mais de 10 milhões de usuários na semana de estreia. Ao final do primeiro mês, já eram 25 milhões de instalações, número que chegou a 70 milhões em 30 de agosto e ultrapassou a marca de 100 milhões em 13 de setembro.

O sistema operacional da Huawei roda em vários dispositivos.O sistema operacional da Huawei roda em vários dispositivos.Fonte:  Huawei/Divulgação 

Maior atualização de sistema da marca em sua história, o HarmonyOS está disponível para quase 100 produtos da fabricante. Entre eles, há 56 celulares antigos da companhia e da sua ex-subsidiária, que também foram contemplados com os novos recursos.

Desenvolvimento além das expectativas

Contando com mais de 400 parceiros de apps e serviços e mais de 1,7 mil parceiros de hardware, o HarmonyOS 2.0 tem ainda 1,3 milhão de desenvolvedores trabalhando na sua construção. A gigante chinesa quer transformá-lo em um sistema operacional para a internet das coisas, lembrando que ele roda em celulares, tablets, smartwatches e outros dispositivos inteligentes.

Recentemente, o presidente rotativo da Huawei, Xu Zhijun, disse que o desenvolvimento do ecossistema está "além das expectativas". Diante dos números positivos, a empresa até pensa em rever a sua meta de chegar a 300 milhões de usuários ao final do ano, ampliando essa quantidade.