Windows 11: Cortana não estará mais presente na inicialização

1 min de leitura
Imagem de: Windows 11: Cortana não estará mais presente na inicialização
Imagem: Microsoft
Avatar do autor

Nesta quinta-feira (24), a Microsoft revelou oficialmente seu mais recente sistema operacional, o Windows 11, mas uma voz conhecida ficou de fora da festa. Repleta de novidades, a interface de usuário está mais minimalista e com design facilitado para todos. Porém, há algumas mudanças que ficaram de fora do anúncio, como a assistente virtual Cortana.

A icônica inteligência artificial da Microsoft foi retirada do processo da primeira inicialização do Windows 11. Anteriormente, a Cortana era responsável por "auxiliar" os usuários durante a primeira sequência de configurações do sistema, mas tomava um tempo considerável para agir e, para alguns usuários, tornou-se um incômodo com o passar do tempo.

Nova barra de tarefas do Windows 11, sem a presença da Cortana. (Fonte: The Verge, Microsoft / Reprodução)Nova barra de tarefas do Windows 11, sem a presença da Cortana. (Fonte: The Verge, Microsoft / Reprodução)Fonte:  The Verge, Microsoft 

Nesse contexto, outra mudança que pode ser bem-vinda para os usuários que buscam uma experiência mais minimalista é a ausência da Cortana da barra de tarefas do Windows 11. Anteriormente, a assistente virtual possuía um atalho padrão ao lado do clássico botão "Windows" e acabava tomando mais espaço do que ajudando, propriamente, já que poderia demorar para oferecer respostas em sistemas mais lentos.

As novidades, avistadas inicialmente pelo site The Verge, foram reveladas apenas na página de especificações oficiais do Windows 11. As mudanças podem indicar um novo rumo para o funcionamento e linguagem de design do sistema operacional, que também contará com uma nova Microsoft Store.

Windows 11: Cortana não estará mais presente na inicialização