Samsung Pay: entenda o que é e como funciona o serviço

3 min de leitura
Imagem de: Samsung Pay: entenda o que é e como funciona o serviço
Imagem: Samsung
Avatar do autor

Lançado em agosto de 2015 e desembarcando no Brasil apenas em 2016, o Samsung Pay é a solução desenvolvida pela gigante sul-coreana para realizar pagamentos por aproximação com o uso de um dispositivo. O sistema funciona por meio de tecnologias seguras e bem estabelecidas no mercado, como Comunicação de Campo Próximo (NFC) e Transmissão Magnética Segura (MST).

Entretanto, esse não é o único ponto forte do Samsung Pay. No aplicativo para celulares, o usuário pode registrar diversos cartões de débito e crédito, além de outros serviços, como Ticket Alimentação, para organizar e facilitar a vida financeira durante os pagamentos. Para completar, ainda há a possibilidade de criar uma conta digital, obter recompensas por meio de pontos e muito mais.

Para auxiliar os usuários, o TecMundo preparou um guia com as informações mais importantes sobre o Samsung Pay. Confira:

Como funciona?

Em detalhes, o Samsung Pay "transforma" um dispositivo habilitado em um "cartão de crédito" tradicional. Para isso, é necessário que o usuário registre os cartões de crédito ou débito que deseja utilizar e verifique se o dispositivo oferece suporte tanto para o aplicativo quanto para pagamentos por aproximação.

Passo a passo para utilizar o Samsung Pay. (Fonte: Samsung / Reprodução)Passo a passo para utilizar o Samsung Pay. (Fonte: Samsung/Reprodução)Fonte:  Samsung 

Em seguida, basta abrir o aplicativo e aproximar o dispositivo do terminal de pagamentos para concluir a transação. O processo é bastante similar ao encontrado em soluções como Google Pay e Apple Wallet, já que ambas funcionam por meio de NFC, mas somente o Samsung Pay tem o uso de MST como alternativa — aumentando, assim, sua compatibilidade.

NFC ou MST?

Apesar de terem basicamente o mesmo propósito, as tecnologias NFC e MST funcionam de maneiras bem distintas. Dispositivos com NFC (ou CCP, na sigla em português) são apenas capazes de se comunicar com outros dispositivos que também oferecem esse suporte, enviando dados dentro de uma frequência de 13.56 MHz.

Nos pagamentos com MST, o contado deve ser feito onde o cartão magnético é inserido, enquanto no NFC basta apenas um toque. (Fonte: Tech Seen, Samsung / Reprodução)Nos pagamentos com MST, o contato deve ser feito onde o cartão magnético é inserido, enquanto no NFC basta apenas um toque. (Fonte: Tech Seen, Samsung/Reprodução)Fonte:  Tech Seen, Samsung 

O MST (ou TMS, se traduzido para o português) pode se comunicar com qualquer tipo de terminal, já que utiliza um pequeno campo magnético para "enganá-lo" e simular que um cartão de crédito foi utilizado da maneira tradicional ali. A tecnologia é exclusiva da Samsung, por isso sua implementação fica limitada aos dispositivos da marca.

Disponibilidade e suporte

O Samsung Pay está disponível para dispositivos Android e iOS, porém parte de seus recursos é limitada em celulares que não são da Samsung — como o próprio pagamento por aproximação. Esses aparelhos têm suporte apenas para o Samsung Pay Mini, uma variante "compacta" da ferramenta original.

Controversa, a restrição pode soar um tanto estranha para os usuários interessados que não têm um dispositivo da Samsung, mas pode ser explicada, em partes, pela ausência do Knox — uma estrutura de segurança proprietária da sul-coreana, integrada diretamente no sistema operacional. O recurso é capaz de proteger os celulares da marca em diversas camadas, oferecendo mais confiabilidade em seu uso.

Diferenças entre o Samsung Pay e sua variante Diferenças entre o Samsung Pay e sua variante Mini. (Fonte: Samsung/Reprodução)Fonte:  Samsung 

Contudo, ainda é possível aproveitar outros recursos do Samsung Pay mesmo sem ter um dispositivo da sul-coreana. Entre eles, estão a possibilidade de criar contas digitais para pessoas físicas e jurídicas, emitir e pagar boletos, fazer depósitos e saques em agências lotéricas. Além disso, há o programa de fidelidade, que garante recompensas para quem usar os serviços.

Para conferir a lista completa dos cartões de crédito que podem ser utilizados no Samsung Pay, clique aqui. De maneira geral, a plataforma aceita a maior parte dos bancos nacionais.

Dispositivos com suporte integral para o Samsung Pay

Confira a lista de todos os dispositivos Samsung com suporte para o Samsung Pay, divididos em suas respectivas categorias.

Com tecnologia NFC e MST

  • Vestíveis: Gear S3 Frontier, Gear S3 Classic
  • Dobráveis: Galaxy Z Fold2, Galaxy Fold e Galaxy Z Flip
  • Linha Galaxy S: Galaxy S20, Galaxy S10, Galaxy S9, Galaxy S8, Galaxy S7, Galaxy S6 Edge Plus (G928G)
  • Linha Galaxy A: Galaxy A8, Galaxy A7 2017 (A720F), Galaxy A5 2017 (A520F), Galaxy A7 2016 (A710M), Galaxy A5 2016 (A510M), Galaxy A9 (A910F)
  • Linha Galaxy Note: Galaxy Note20, Galaxy Note10, Galaxy Note9, Galaxy Note8 e Galaxy Note5

Apenas com tecnologia NFC

  • Vestíveis: Gear Sport, Galaxy Watch Active e Active2, Galaxy Watch 1, 2 e 3
  • Especiais: Galaxy Xcover Pro
  • Linha Galaxy S: Galaxy S21, Galaxy S20 FE, Galaxy S10 Lite, Galaxy S6 e S6 Edge
  • Linha Galaxy A: Galaxy A70, Galaxy A80, Galaxy A51, Galaxy A71, Galaxy A6+, Galaxy A32, Galaxy A32 5G, Galaxy A52 5G, Galaxy A72, Galaxy A9
  • Linha Galaxy Note: Galaxy Note10 Lite