Apple corta recursos do macOS Monterey em Macs com chip Intel

1 min de leitura
Imagem de: Apple corta recursos do macOS Monterey em Macs com chip Intel
Imagem: Apple/Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Com diversos recursos inovadores, o macOS Monterey foi revelado pela Apple durante a WWDC 2021. Entretanto, os Macs antigos com processadores Intel não terão algumas das várias novidades do próximo sistema operacional.

Em letras miúdas, uma página de recursos do software revela que certas funcionalidades exigem um computador com processador M1 da Apple. Isso inclui qualquer MacBook Air, MacBook Pro de 13 polegadas, Mac mini e modelos iMac lançados após novembro de 2020.

Macs com processador Intel não terão acesso ao mapa global 3D.Macs com processador Intel não terão acesso ao mapa global 3D.Fonte:  MacRumors/Reprodução 

O site da fabricante lista alguns dos recursos do macOS Monterey que não estarão disponíveis nos computadores com processadores Intel:

  • Modo Retrato com fundo desfocado no FaceTime;
  • Globo 3D interativo da Terra no app Maps;
  • Ferramenta Live Text para copiar e colar, pesquisar ou traduzir textos em fotos;
  • Ferramenta Text-to-speech em mais idiomas, incluindo sueco e dinamarquês;
  • Ferramenta Keyboard Dictation sem ilimite de tempo e com versão offline.

A Apple não revelou a razão para essas funcionalidades não estarem disponíveis para Macs com processadores da Intel. Entretanto, especialistas explicam que os antigos chips não possuem motores de processamento para executar os recursos.

Processador M1 tem desempenho superior aos chips da Intel.Processador M1 tem desempenho superior aos chips da Intel.Fonte:  Life Hacker/Reprodução 

Transição entre processadores

Atualmente, a Apple está realizando uma grande transição entre os processadores Intel e os próprios chips para computadores Mac. O processo tem um prazo de duração de dois anos e deve ser concluído até a WWDC 2022.

Em diversos testes, o M1 provou ser superior ou equivalente aos chips antecessores da Intel. Por exemplo, a versão básica do MacBook Air com M1 superou o desempenho do MacBook Pro de 16 polegadas com processador da marca.

Disponível em versão beta para desenvolvedores, o macOS Monterey ainda é compatível com modelos com chip Intel. Por fim, a edição final do sistema operacional deve ser disponibilizada para o público entre setembro e novembro deste ano.

Apple corta recursos do macOS Monterey em Macs com chip Intel