Huawei pede registro de seu sistema operacional em vários países

1 min de leitura
Imagem de: Huawei pede registro de seu sistema operacional em vários países
Avatar do autor

A Huawei está trabalhando duro para agilizar os processos de solicitação de registro comercial de seu sistema operacional próprio, o HongMeng OS, em várias partes do mundo. Na China, casa da empresa, o governo já liberou a autorização.

Esse SO, que antes era o plano B, agora é o plano A da fabricante chinesa devido ao bloqueio de uso do Android por parte da Google. Vale destacar que essa decisão foi firmada após o Presidente Trump banir uma série de companhias chinesas dos EUA.

Além de fazer os pedidos de registros do HongMeng, a companhia começou a registrar marcas comerciais relacionadas com o nome do sistema. Por outro lado, mesmo considerando a rapidez com que a Huawei tem tomado as decisões, até agora não há uma única imagem ou demonstração sobre o sistema — ou seja, ninguém faz ideia de nada por enquanto.

Registro em vários países

Com relação aos pedidos de registro do SO, eles citam o uso na Espanha, Índia, União Europeia, no Canadá, na Austrália, no Camboja, na Indonésia, Suíça e Tailândia. Na China, a Huawei fez a solicitação de registro no mês de agosto do ano passado (2018) e recebeu a aprovação em maio deste ano.

A empresa, que apesar de tudo segue firme e forte como a segunda maior fabricante de smartphones do mundo, tem dado sinais de que o HongMeng também será usado em muito mais itens além dos celulares. Telas inteligentes para carros, sistemas de computador, notebooks e até robôs estão na lista.

Novo sistema operacional da Huawei

O chefe da divisão de eletrônicos da companhia, Richard Yu, já se pronunciou sobre essa novidade. De acordo com ele, a expectativa é que tudo esteja pronto para que o SO faça sua estreia no mercado em aparelhos que serão comercializados já no último trimestre deste ano — na China, a princípio.

Ainda de acordo com Richard, o sistema operacional deverá ser disponibilizado inicialmente nos smartphones e nos notebooks, após isso é que serão dados os próximos passos. Vale lembrar que não houve escolha ao decidir mudar o sistema de seus computadores: a Huawei tinha parcerias com a Microsoft, que também é uma companhia dos EUA, então, fim do negócio. 

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Huawei pede registro de seu sistema operacional em vários países