Em setembro do ano passado, a empresa Basis lançou o smartwatch Peak, que trazia uma série de funções para o monitoramento de saúde e atividades físicas. A diferença entre ele e outros aparelhos disponíveis no mercado está no fato de que ele não se propõe a ampliar as capacidades de comunicação do consumidor — sendo realmente focado nas funções mencionadas anteriormente.

Agora, a Basis traz algumas novidades que deixarão muitos consumidores felizes. O grande motivo para isso está na ampliação da compatibilidade do relógio, que agora pode se conectar aos sistemas Apple Health e Google Fit — existentes nos smartphones com iOS e Android, respectivamente.  Isso está disponível na atualização de firmware que já está liberada, mas ainda há mais por vir.

Ainda nesta semana, uma nova atualização será disponibilizada para trazer um cronômetro integrado aos Basis, além de melhorar o monitoramento cardíaco e também para permitir que os usuários se inscrevam em fases Beta de diversos apps ainda em desenvolvimento — como sistemas de mapas e controladores para equipamentos conectados, de acordo com a fabricante.

A Basis também está lançando uma nova versão do Peak, agora com acabamento em titânio. Ela terá os mesmos recursos vistos na versão original do equipamento, mas oferece mais resistência a impactos. Enquanto o Peak tradicional custa US$ 199 nos Estados Unidos, a versão Titânio será vendida por US$ 299.  Por fim, a empresa anunciou a chegada de novas pulseiras de couro coloridas, que podem ser compradas por US$ 50.

Cupons de desconto TecMundo: