Atualize agora! Chrome 86 está recheado de novidades de segurança

1 min de leitura
Imagem de: Atualize agora! Chrome 86 está recheado de novidades de segurança
Imagem: Google/Reprodução
Avatar do autor

Em mais uma importante atualização, a Google introduziu poderosas ferramentas de segurança ao Chrome. A versão 86 do navegador traz consigo um verificador de senhas salvas para Android e iOS, que notifica o usuário se alguma delas foi vazada em algum ataque e novos controles sobre downloads não considerados seguros.

As adições variam de acordo com a distribuição do navegador. Para Android e iOS, as novidades incluem a ferramenta de verificação de senhas já conhecida por usuários da versão desktop. O recurso notifica o usuário se alguma senha salva tiver sido exposta em algum vazamento de dados e sugere imediata alteração, algo parecido com uma das ferramentas adicionadas recentemente no Safari.

Do outro lado, a Google está incentivando a adoção do padrão W3C para URLs de páginas de substituição de senhas (por exemplo: site.com/.well-known/change-password). Aqueles que se adaptarem à sugestão permitirão que o navegador incorpore um botão para troca rápida de senhas, direcionando o usuário rapidamente para a página dedicada no site desejado.

Já para iOS, outro recurso interessante chega no Chrome 86: usuários poderão optar pela sua identificação biométrica (Touch ID ou FaceID) para aplicar as senhas. O mesmo já acontece com o Android há algum tempo.

Downloads protegidos por protocolos

A versão 86 introduz novos alertas para processos HTTP. O Chrome passa a informar o usuário sempre que ele estiver preenchendo dados de formulário em um site que adota o padrão HTTP, notificando que aquela conexão “pode não ser segura” e retirará o recurso de autopreenchimento. O mesmo acontecerá quando o usuário baixar algum arquivo via comunicação HTTP.

Outra ferramenta que está sendo adicionada pela Google é o recurso de segurança experimental de “encurtação de URLs”. O Chrome deixará de exibir todo o conteúdo da URL na aba de endereço por padrão, destacando apenas o domínio principal. Essa restrição busca destacar o nome do site e permitir que o usuário o leia sem maiores distrações, tentando evitar o phishing que exploram “typos” — erros comuns de digitação.

a  Google/Reprodução 

As novidades ainda estão sendo encaminhadas para todas as distribuições. Se você ainda não atualização, vale conferir se há download disponível na sua loja de apps.

Atualize agora! Chrome 86 está recheado de novidades de segurança