(Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Em evento realizado em São Paulo nesta quarta-feira (2), a Samsung trouxe para o Brasil seu mais novo serviço voltado para a segurança de dados em dispositivos móveis usado no ambiente corporativo, o KNOX. O recurso divide seu sistema operacional Android em dois ambientes distintos, mantendo seus dados e aplicativos de trabalho em um contêiner dentro do seu dispositivo, separados dos elementos pessoais.

Com a novidade, os funcionários podem ter todos os recursos da plataforma Android no seu ambiente pessoal, ao mesmo tempo em que mantém seguros seus dados corporativos, isolados por senha na partição do KNOX. Dessa forma, o gerente de TI da companhia pode acessar e controlar remotamente o conteúdo corporativo, mas respeitará a privacidade dos trabalhadores fora do contêiner.

Incorporando a tecnologia SE Linux na plataforma Android, o serviço da Samsung utiliza o sistema de melhorias de segurança do SO da Google para impor políticas de controle de acesso obrigatório, isolando assim aplicativos e dados. A integridade do sistema é garantida pelo mecanismo de Boot Seguro e por uma tecnologia baseada no Trustzone, ao mesmo tempo em que a separação é criptografada com um algoritmo Advanced Encryption Standard.

Como funciona

Dentro do ambiente seguro do KNOX, o usuário tem acesso a uma grande variedade de apps corporativos, incluindo email, browser, lista de contatos, calendários, ferramentas colaborativas, CRM e outros softwares de negócios. O gestor de TI pode determinar remotamente quais aplicativos vão estar presentes no compartimento seguro, além de permitir a instalação de outros pelos usuários a partir de uma loja de programas própria da Samsung.

O KNOX pode ser acessado tanto a partir de um ícone de aplicativo comum, quando de dentro da tela de notificações. Além disso, o serviço é compatível com as estruturas corporativas mais comuns, como o gerenciamento de dispositivos móveis (MDM), redes privadas virtuais (VPN) e o Active Directory. As empresas podem criar e gerenciar o contêiner como qualquer outro ativo de TI por meio desses recursos, evitando vazamento de dados.

(Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Em adição a isso, a equipe de tecnologia de informação das companhias podem realizar seus processos de monitoramento sem que haja a necessidade de acessar os dados pessoais dos funcionários. Dessa forma, fotos tiradas da câmera dentro do ambiente seguro não poderão ser vistas na galeria da área particular, e vice-versa.

Vale ressaltar ainda que os usuários recebem notificações oriundas de ambas as partições, podendo mudar rapidamente entre o ambiente pessoal e o profissional para ler e responder conforme sua necessidade. Também é possível usar biometria no lugar da senha do KNOX, se seu dispositivo tiver a tecnologia de leitor de impressões digitais.

Seu Android seguro

(Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

Por enquanto, o KNOX é compatível os principais produtos da empresa sul-coreana, incluindo os dispositivos moveis Galaxy S3 LTE, S4, S4 Active, S4 Mini, S5, Mega, Note II, Note 3 e Note 10.1. De acordo com diretor de vendas B2B da Samsung, Fernando Sentomo, a ideia é expandir a compatibilidade para os aparelhos intermediários, dando mais opções para as companhias.

Segundo a Samsung, o KNOX é uma solução completa, que vai desde o hardware até a camada de aplicativos, protegendo os dados empresariais de vazamentos, vírus e ataques de malware. “É o fim daquela velha história de que o Android não pode ser seguro no ambiente empresarial”, disse Roberto Soboll, diretor de produtos mobile da fabricante.

Como o recurso depende do modelo a ser utilizado pelas companhias, podendo se atrelar a pacotes de serviço das operadoras e a outras soluções MDM, os preços do KNOX variam de caso a caso. Por enquanto, a Samsung afirma que já existem mais de 25 milhões de aparelhos compatíveis com o KNOX em circulação e mais de 1 milhão de usuários ativos.

Cupons de desconto TecMundo: