De acordo com estudo publicado pela empresa de consultoria comScore, os brasileiros gastam mais tempo checando suas páginas de Facebook do que todo o período em que mexicanos e argentinos passam navegando pela internet. As informações são de fevereiro e fazem parte do relatório “2014 Brazil Digital Fuuture in Focus”. Ao todo, 46 minutos diários são gastos pela nação verde e amarela sob os domínios da tal rede social. Por mês, quase 13 horas são gastas entre curtidas, compartilhamentos e comentários no Facebook – este número representa mais que o dobro da média mundial, que fica em cerca de 6 horas mensais de acesso ao site.

Outro dado apontado pela pesquisa diz respeito ao ranking das redes sociais mais acessadas do país. De acordo com o relatório, o Twitter deixou de ser a segunda página mais visitada; a rede de contatos profissionais LinkedIn assumiu a ponta ao lado do Facebook. O método de análise adotado pela pesquisa, porém, deve ser considerado de forma cautelosa. Acontece que somente internautas com 15 anos ou mais e que acessam a web por meio de notebooks ou PCs em residências e em ambientes profissionais entraram nas estatísticas – acessos realizados via smartphones ou tablets a partir de “ambientes externos” foram desconsiderados.

Brasil vs. México + Argentina

Os 46 minutos diários gastos diariamente por brasileiros junto ao Facebook não batem os 44 minutos totais de acessos a toda a internet feito por mexicanos e argentinos – no México, pouco mais de 22 minutos são gastos por dia em toda a navegação; na Argentina, 22 minutos diários são também consumidos pelo acesso a toda a internet.

Com quase 66 milhões de visitantes únicos, o Facebook é ainda a rede social mais acessada no Brasil. Com 11,8 milhões de acessos únicos realizados diariamente, o LinkedIn assumiu a segunda colocação. Em terceiro lugar, portanto, ficou o Twitter, com 11,3 milhões de logins feitos por dia. As redes Tumblr (7,9 milhões), Ask.fm (5 milhões), Orkut (4,8 milhões), Badoo (3,1 milhões) e Yahoo Profile (2,7 milhões) completam o ranking.

Médias de idade e tempo de acesso às redes

Ainda conforme informado pelo estudo, o site de perguntas e respostas Aks.fm concentra o público com a faixa etária mais baixa (21 anos). A rede Yahoo Profile, naturalmente, abarca os usuários com as idades mais elevadas (38 anos). A lista segue com as seguintes médias etárias: Facebook (30,2 anos), LinkedIn (32,9 anos), Twitter (27 anos), Tumblr (24,8 anos), Orkut (30,4 anos) e Badoo (34,7 anos).

Em 97,8% do tempo, os brasileiros estão checando também suas atualizações, postando e compartilhando conteúdo via Facebook. A média de tempo de acesso aos demais serviços sociais online fica disposta desta forma: Twitter (0,7% do tempo), Tumblr (0,6% do tempo), Ask.fm (0,5% do tempo), Orkut (0,3% do tempo) e LinkedIn (0,2% do tempo total de navegação).  O tempo de acesso à internet é maior no Brasil – o que justifica seu destaque no quesito visita a redes sociais. Enquanto passamos 29,7 horas conectados à rede por mês, a média dos demais países fica em 22,7 horas.

Mas, afinal, quanto tempo passamos em frente à tela de gadgets? Clique aqui e confira um estudo conduzido pela KPCB (Kleiner Perkins Caufield & Byers) que revela números curiosos acerca do tempo consumido durante o uso de tablets, smartphones, notebooks, PCs e televisão por 30 países mundo afora. Mais informações sobre as recentes estatísticas publicadas pela comScom podem ser conferidas neste PDF.

Cupons de desconto TecMundo: