Rede social em VR da Microsoft faz mudanças para evitar assédio

1 min de leitura
Imagem de: Rede social em VR da Microsoft faz mudanças para evitar assédio
Imagem: AltspaceVR
Avatar do autor

A Microsoft realizou uma série de mudanças dentro do AltspaceVR, plataforma de Realidade Virtual adquirida em 2017 e mantida pela empresa desde então. Todas têm como objetivo combater as crescentes denúncias de assédio, spam e pessoas com comportamentos inadequados dentro do serviço.

Ao todo, são três grandes novidades: os "hubs sociais" do serviço (Campfire, News e Entertainment Commons) foram desligados, a Bolha de Segurança que impede outras pessoas de invadirem o seu espaço virtual pessoal será ativada por padrão e novos usuários que entrarem nos Eventos serão colocados automaticamente no mudo.

De acordo com a empresa, a moderação também será ampliada e usuários com menos de 13 anos terão as funcionalidades limitadas.

Mais novidades em breve?

A Microsoft considera o AltspaceVR um "bloco de construção para o futuro do metaverso" e está empolgada para trazer também novos conteúdos para o serviço.

Nesse sentido, a empresa já realizou a integração do Mesh ao Teams para ampliar as possibilidades de uso corporativo do metaverso e avisou que a aquisição da Activision Blizzard por cerca de US$ 70 bilhões também vai ajudar nessa indústria.