Polícia investiga youtuber que aparece batendo em cachorro durante vídeo

1 min de leitura
Imagem de: Polícia investiga youtuber que aparece batendo em cachorro durante vídeo
Avatar do autor

O departamento de polícia de Los Angeles (EUA) está investigando uma youtuber por suspeita de abuso de animais após ela aparecer em um vídeo batendo em seu cachorro. Segundo o Buzzfeed News, Brooke Houts, que tem mais de 300 mil inscritos em seu canal no YouTube, publicou, sem querer, uma versão não editada de um vídeo de pegadinha em que empurra, grita e até cospe no cão da raça Dobermann.

A edição final do vídeo conta com mais de 27 mil negativações, mesmo sem trazer as imagens publicadas anteriormente. Apesar disso, internautas conseguiram salvar as partes da produção que estão gerando polêmica, como no tweet abaixo (aviso: as imagens são perturbadoras).

Além de ter recebido críticas de usuários de redes sociais e de celebridades, como a atriz Jameela Jamil, a produtora de conteúdo está na mira da Força Tarefa de Crueldade Animal da Polícia de Los Angeles. Falando ao Buzzfeed News, um representante das autoridades explicou que o órgão está "ciente do incidente" e já abriu uma investigação.

Youtuber se defende

Houts não comentou a investigação da polícia de Los Angeles, mas se defendeu das críticas que recebeu por meio de uma publicação no Twitter. Em um longo texto, a youtuber disse que estava passando por uma semana difícil e suas ações são injustificáveis, mas que serviam para "mostrar que aquele comportamento do cachorro é inaceitável".

A moça também se defendeu dizendo que não é uma abusadora de animais e que seu cachorro não se machucou durante as ações exibidas no vídeo. "Qualquer um que já testemunhou ou ouviu sobre abuso de animais verdadeiro consegue ver claramente isso", diz a influenciadora digital.

O YouTube ainda não comentou oficialmente o assunto, mas essa não é primeira vez que a plataforma de vídeos está envolvida em um caso do tipo. Em 2018, um produtor de conteúdo do site foi condenado por ensinar a saudação nazista para um cachorro em uma gravação.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Polícia investiga youtuber que aparece batendo em cachorro durante vídeo