O Facebook emitiu hoje (02) um esclarecimento sobre o caso dos vídeos nunca publicados por usuários, mas que, mesmo assim, estavam armazenados nos servidores da empresa. A rede social afirma ter encontrado um bug que impedia vídeos gravados com a câmera do app do Facebook de serem deletados depois que os usuários desistiam de publicá-los. Segundo a empresa, todos esses vídeos serão apagados dos servidores nos próximos dias.

O bug foi descoberto por usuários que estavam fechando suas contas no Facebook e, antes disso, baixando todos os seus arquivos pessoais da plataforma em um arquivo. Dentro da pasta compactada que o Facebook fornecia, várias pessoas encontraram vídeos que nunca publicaram. Muita gente ficou surpresa com o “nível de vigilância” da rede social por conta disso, e também pelo fato de registros de SMS e ligações feitas com smartphones estarem no tal arquivo. Contudo, apenas depois de o SelectAll e outros veículos denunciarem o ocorrido é que a empresa de Mark Zuckerberg agiu.

Descobrimos um bug que impedia esses rascunhos de serem excluídos. Estamos deletando todos eles e pedimos desculpas

“Nós investigamos um relato de que algumas pessoas estavam vendo rascunhos de vídeos antigos quando tentavam acessar suas informações a partir da nossa ferramenta de download de dados pessoais. Descobrimos um bug que impedia esses rascunhos de serem excluídos. Estamos deletando todos eles e pedimos desculpas pelo inconveniente”, diz o comunicado oficial acerca do tema.

A empresa não chegou a detalhar o como o tal bug impedia os arquivos de serem deletados, mas é possível imaginar que, para esses vídeos não publicados estarem nos servidores do Facebook, o app da plataforma certamente fazia algum tipo de upload automático, antes mesmo dos usuários decidirem se publicavam ou não seus clipes.

Confira este link para obter instruções sobre como baixar todos os seus dados, arquivos e informações pessoais armazenados pelo Facebook.

Cupons de desconto TecMundo: