Enquanto a maioria dos gamers ocidentais sonha em ter um aparelho de realidade virtual para jogar com uma imersão gigantesca, lá no Japão a história é... bem, um tanto diferente, digamos assim. Se você acha que estamos exagerando, o mais recente caso ocorrido por lá deve servir como prova: um grupo de entusiastas do pornô VR resolveu fazer um evento em Tóquio para demonstrar vários produtos para melhorar sua experiência com essa tecnologia.

A parte realmente absurda disso tudo, porém, foi que o festival teve que ser cancelado – não porque ele foi um enorme fracasso, mas porque seu sucesso foi simplesmente grande demais.

O evento, segundo o site The Next Web, prometia contar com diversas tecnologias das mais curiosas feitas com o objetivo de aumentar sua imersão no mundo VR ao ter experiências com pornografia (mas nada como algumas outras bizarrices que já vimos antes, graças aos céus!). Havia desde mãos mecânicas que automatizavam a masturbação...

Se você não entendeu como isso funciona, é só imaginar que a mão vai para cima e para baixo repetidamente

... A simulações VR feitas com a ajuda de bonecas infláveis com roupas de colegiais japonesas.

Só no Japão alguém teria coragem de participar de uma cena dessas em público

Não menos impressionante, é claro, foi a curiosa caixa de papelão do vídeo abaixo, que usava ventiladores em conjunto de um sensor de movimento para simular a sensação do toque de seios femininos em qualquer um que tivesse coragem de colocar a mão dentro dela.

Obviamente, nada disso poderia ser feito sem uma “ajudinha” visual (ao menos para a equipe do evento, ao que parece). Assim, a demonstração estava cheia de garotas fantasiadas para incentivar a imaginação do público que compareceu.

Ah, nada como ter uma garota vestida de colegial ensinando você a usar um simulador de peitos...

Sucesso até demais

Infelizmente, como falamos anteriormente, o evento acabou sendo cancelado porque o número de fãs impacientes para testar as tecnologias se tornou grande demais, obrigando a equipe do evento a barrar mais pessoas de entrarem e chamar a polícia. Segundo um relato feito por um membro do fórum VR Talk, as ruas da região ficaram totalmente tomadas pelo público, e tudo indicava que uma revolta por parte dos fãs era iminente.

“O evento só começaria às 2 da tarde, então eu fui para lá animado uma hora antes, mas a rua já estava transbordando de pessoas. Havia tanta gente que era praticamente impossível manter a situação sob controle”, começou WildPhil88. “Enquanto esperava pelos meus amigos, eu não conseguia deixar de pensar que, se eles não pudessem controlar a massa de pessoas, uma revolta ou algo similar poderia acontecer”, continuou.

Depois de todos os problemas, os criadores do festival se desculparam pela falta de controle no evento, prometendo fazê-lo em um lugar maior da próxima vez. E é bom eles se prepararem bem, considerando o crescimento absurdo que essa tecnologia vem demonstrando.