Xiaomi Mi 11 já vendeu mais de 3 milhões de unidades no mundo

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi Mi 11 já vendeu mais de 3 milhões de unidades no mundo
Imagem: Xiaomi
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Apenas alguns meses após o lançamento mundial do Xiaomi Mi 11 no finalzinho de 2020, e do Mi 11 Pro e Mi 11 Ultra neste ano, a empresa chinesa anunciou que a série ultrapassou a marca de 3 milhões de unidades vendidas. Os números impressionam, sobretudo, porque não foram levados em consideração os demais modelos da série Mi 11 já lançados na Índia.

A Xiaomi vem consolidando sua participação no mercado chinês, apostando na diversidade de produtos sofisticados e em um pós-venda aprimorado. A empresa também busca expansão em diversos mercados inexplorados fora do país, fazendo voos por mercados europeus ainda inéditos.

Os três campeões de venda da Xiaomi

Fonte: Xiaomi/DivulgaçãoFonte: Xiaomi/DivulgaçãoFonte:  Xiaomi 

Embora a gigante chinesa não tenha divulgado o desempenho individual de cada modelo, é certo que o Mi 11 Ultra teve um impacto importante nesses números, com sua poderosa configuração de câmera, que o coloca como rival direto do Galaxy S21 Ultra da Samsung.

Além de chegarem ao mercado com o processador Snapdragon 888 da Qualcomm com suporte ao 5G, os três modelos da Xiaomi apostam em desempenho robusto de bateria e carregamento rápido. Além dos números de vendas, os aparelhos da Xiaomi são líderes no mercado chinês de smartphones na faixa entre 4 mil e 6 mil CNY (renminbi, moeda chinesa em geral), o equivalente a cerca de R$ 3,3 mil a R$ 5 mil.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.