Tesla libera nova versão beta do sistema de direção autônoma

1 min de leitura
Imagem de: Tesla libera nova versão beta do sistema de direção autônoma
Imagem: Tesla/Divulgação
Avatar do autor

A montadora Tesla disponibilizou a aguardada nona versão beta do software Full Self-Driving (FSD). Assim, o update do pacote de direção autônoma foi liberado para cerca de 2 mil motoristas durante o fim de semana.

A nova versão do programa usa o Tesla Vision, sistema de câmeras que substitui os sensores de radar dos veículos. Segundo Elon Musk, CEO da marca de elétricos, esse é um passo importante para a versão final do FSD.

Com o FSD, o veículo pode fazer mudança de faixas e seguir rotas pré-definidas.Com o FSD, o veículo pode fazer mudança de faixas e seguir rotas pré-definidas.Fonte:  Inside EVs/Reprodução 

A principal novidade da recente versão do FSD é a melhoria na visualização de navegação. Quando o modo está em execução, os aplicativos não são exibidos e o painel de instrumentos apresenta dados adicionais sobre os objetos ao redor.

Em nota, a Tesla reiterou avisos importantes de segurança relacionados ao sistema de direção autônoma. Em especial, a marca destaca que a versão beta do software deve ser usada com cautela adicional.

“O recurso pode fazer a coisa errada no pior momento, então o motorista deve sempre manter as mãos no volante e ter atenção extra na estrada. Não se torne complacente”, cita o texto da atualização.

A atualização alerta os motoristas para manter sempre as mãos no volante.A atualização alerta os motoristas para manter sempre as mãos no volante.Fonte:  Tesla Raj/Reprodução 

Primeiras impressões

Conforme os primeiros relatos, a atualização do FSD Beta realmente apresenta grande melhoria na visualização da navegação. Por exemplo, as linhas estão mais claras e a detecção de objetos parece estar mais apurada.

A direção autônoma também teve aprimoramentos, mas a maior parte dos testes foram realizados à noite e em situações de baixo tráfego. Por isso, não foi possível ver a atuação do sistema em cenários mais complexos, como cruzamentos.

É importante citar que a Tesla está usando machine learning para melhorar a experiência com o FSD. Com isso, a tendência é que o software de direção autônoma se torne ainda mais completo quando chegar na versão final.

Tesla libera nova versão beta do sistema de direção autônoma