Embraer recebe encomenda de 50 unidades do seu 'carro voador'

1 min de leitura
Imagem de: Embraer recebe encomenda de 50 unidades do seu 'carro voador'
Imagem: Embraer/Divulgação
Avatar do autor

A Embraer, fabricante de aviões brasileira, anunciou que sua aeronave elétrica de decolagem e pouso vertical (eVTOL) recebeu uma nova encomenda. Segundo o comunicado, a empresa fechou um contrato para entregar 50 unidades à Helisul Aviation, empresa que opera helicópteros na América Latina.

Além disso, as companhias ainda firmaram uma parceria para o desenvolvimento de produtos e serviços que permitam a operação do eVTOL, como soluções de gerenciamento de tráfego aéreo. Inicialmente, serão utilizados helicópteros para estabelecer parâmetros que possam ser usados pelo veículo elétrico posteriormente.

a  Embraer/Divulgação 

A notícia chega logo após uma outra encomenda, divulgada pela a Embraer na última semana. Na ocasião, a fabricante teve 200 unidades do eVTOL solicitadas pela Halo, companhia que fornece serviços de helicópteros e mobilidade aérea urbana privada no Reino Unido e nos Estados Unidos. Em ambos os casos, as entregas serão feitas a partir de 2026.

As primeiras imagens do projeto, que ainda está em fase de desenvolvimento, foram reveladas em março deste ano. A proposta da empresa é que o veículo seja uma forma de transporte individual para as pessoas em grandes cidades, como uma alternativa aos táxis aéreos tradicionais — funcionando quase como um "carro voador".

Projeto promissor

Uma outra parceria que a Embraer estabeleceu foi com a Uber, com o objetivo de viabilizar voos comerciais com o eVTOL a partir de 2023. No entanto, alguns especialistas afirmam que o prazo é um tanto quanto otimista.

No total, a fabricante de aviões desenvolve 140 projetos de eVTOL ao redor do mundo. A expectativa é alta e o setor de aviação espera que o veículo gere grandes transformações ao oferecer viagens mais baratas do que as de helicópteros.

Embraer recebe encomenda de 50 unidades do seu 'carro voador'