Chevrolet Bolt ganhará update de software para evitar incêndios

1 min de leitura
Imagem de: Chevrolet Bolt ganhará update de software para evitar incêndios
Imagem: Chevrolet/Divulgação
Avatar do autor

Em busca de soluções para os incêndios provocados pela bateria do elétrico Bolt, a Chevrolet anunciou na última quinta-feira (18) que vai realizar um recall do modelo em abril, com o objetivo de atualizar o software para uma versão capaz de identificar o problema antes dele ocorrer.

Conforme a montadora, uma equipe de engenheiros fez “progressos substanciais” na identificação da causa dos incêndios na bateria do carro elétrico e definiu soluções potenciais para a falha. No entanto, a companhia não revelou qual seria o causador do problema.

Já em relação à solução, a empresa afirma, em comunicado divulgado no seu site, que está trabalhando em um “software de última geração capaz de diagnosticar problemas potenciais antecipadamente e restaurar 100% da capacidade de carga”, cuja disponibilidade será a partir de abril, provavelmente.

Vários relatos de incêndio na bateria do Bolt EV têm surgido na internet, ultimamente.Vários relatos de incêndio na bateria do Bolt EV têm surgido na internet, ultimamente.Fonte:  InsideEVs/Reprodução 

Como solução temporária para evitar novos incêndios na bateria do Bolt EV, a Chevrolet lançou, recentemente, uma atualização que restringe a capacidade de carregamento da bateria do hatch a 90%. A montadora tem recomendado aos proprietários levar o veículo a uma concessionária para atualizar o sistema.

Hyundai deve trocar baterias

Assim como o Chevrolet Bolt EV, a Hyundai também tem enfrentado incêndios no SUV elétrico Kona. Recentemente, a marca asiática comunicou a realização de um recall de 77 mil unidades do automóvel na Coreia do Sul.

Em negociação com o Ministério de Terras, Infraestrutura e Transporte do país, a montadora sul-coreana pode ser obrigada a trocar as baterias de todos os carros convocados, além de estender o recall a outros modelos eletrificados, como o Ioniq PHEV e o Ioniq Electric.

Um problema no separador da célula da bateria fornecida pela LG Energy Solution, causado por falhas durante a fabricação do componente, seria o responsável pelos incêndios. Vale lembrar que a empresa é a mesma fornecedora do elétrico da Chevrolet.

Chevrolet Bolt ganhará update de software para evitar incêndios